Em um mundo capitalista como o que vivemos, o que importa é o lucro, independentemente de quanto esforço seja necessário para isso. A indústria força o uso de todos os recursos que tem à sua disposição, seja ela em relação à mão de obra ou matéria prima. Em um jogo de ganhar e acumular dinheiro, onde todo o resto é considerado uma consequência secundária, vemos a destruição do nosso bem mais importante, o nosso planeta.

Nessa corrida desenfreada assistimos a tudo do camarote, assistimos ao fim do nosso ecossistema, fauna e flora, poluição dos nossos rios e atmosfera e o esgotamento de recursos, sejam eles mineiras ou outros fundamentais, como petróleo, que consequentemente, resultará em um colapso da indústria e na escassez de elementos fundamentais para a vida como a àgua.

Publicidade
Publicidade

Ou seja, temos um problema inevitável, ou se resolve agora ou teremos que tentar resolver mais tarde, mas sem dúvidas não dá pra escapar ao assunto.

Nesse momento que surge o termo, sustentabilidade, com um único objetivo, ajudar o planeta antes que seja tarde demais. Mas é possível usufruir de recursos sem afetar o planeta e não ter de viver um caos em nosso planeta?

Quando nos referimos à sustentabilidade, devemos pensar a longo prazo e imaginar o planeta que estamos deixando para nossos filhos e netos. E qual a solução? Devemos lutar e forçar por uma indústria mais consciente, onde se crie tecnologias de não agressão ao meio ambiente, utilizando técnicas de reposição de matéria prima, como reflorestamento e fazer uso de outros recursos em substituição aos que estão acabando. A questão não deve apenas ser discutida pela indústria ou por governos, mas por todos nós, pois é uma responsabilidade mútua.

Publicidade

Atitudes básicas praticadas por cada um pode salvar o planeta, tal como economia da água, o ato de reciclar ou, quem sabe, um ato além e plantar uma árvore, mas sempre na certeza que um ato mínimo estará fazendo uma grande diferença.

O fato é que além de ser um fator ambiental, é algo que engloba a todos seja você a favor ou não, pois é algo a que não podemos escapar e os resultados irão afetar todos, independentemente de sua opinião e suas atitudes. Então é uma luta que vai além, tornando-se um fato social. Conscientizar as pessoas para que lutemos juntos e consigamos reverter a triste situação de hoje, é fundamental. O que o planeta pede hoje são atitudes, pois não queremos que a beleza do nosso planeta fique eternizada apenas em fotos e vídeos, mas sim que possa ser usufruída pelas futuras gerações. #Natureza