O Greenpeace está com uma campanha no site de financiamento colaborativo Kickante, para arrecadar fundos que serão usados para instalar painéis solares de energia em duas escolas públicas. O projeto beneficiará cerca de 1800 estudantes em dois estados, São Paulo e Minas Gerais.

O dinheiro que será economizado com a conta de luz das escolas participantes do projeto vai ser revertido em novas atividades culturais, como apresentações artísticas, viagens, teatro e outras formas de ilustração cultural que são tão necessárias para as crianças. O projeto também busca promover a ideia de energia limpa e renovável para crianças e adolescentes, criando novos multiplicadores de boas ideias para o cuidado com o meio ambiente.

Publicidade
Publicidade

O projeto de instalação de painéis solares em escolas públicas parece ainda mais necessário em uma época em que falamos de crise energética no país. Veículos de comunicação como Folha de São Paulo e O Globo tem denunciado os problemas que temos, por possuirmos apenas hidrelétricas como fonte de energia. Atualmente cerca de 75% da energia elétrica do país vem de barragens cada vez mais secas.

Como de costume em campanhas envolvendo financiamento colaborativo, quem disponibilizar o seu dinheiro para este projeto vai levar para casa alguns brindes que vão de cartilhas educativas a carregadores de celular movidos a energia solar. Os brindes dependem do valor ofertado para o projeto.

Para quem não conhece o formato de produção do financiamento colaborativo ou crowdfunding, esse é um sistema de arrecadação de fundos em que várias pessoas podem doar alguns reais para colocar um projeto para frente.

Publicidade

Já tem alguns anos que muitos produtores culturais, ONGs e grupos de militância financiam alguns projetos ousados em sites de crowdfunding, como a banda Dead Fish que ano passado conseguiu financiar seu novo álbum com o dinheiro arrecadado no site Catarse.

Caso tenha alguma dúvida sobre como funciona o projeto você pode entrar em contato com o Greenpeace através do site da instituição. #Educação