Um sistema de aquaponia consiste na união da produção de peixes em sistema de recirculação e da chamada hidroponia, o cultivo de plantas sem a utilização de solo. O crescimento da aquicultura que a princípio seria a boia de salvação para a conservação dos ambientes aquáticos e suas espécies, mostrou-se, em seu modelo convencional, tão poluidora quanto outras atividades, como a agricultura por exemplo. Os resíduos da aquicultura, como restos de ração, fezes, fármacos e outros compostos químicos são despejados de volta ao ambiente, alterando seus parâmetros físico-químicos e com isso, a fauna aquática local.

Surge em meio este contexto um sistema de aquicultura que elimina os resíduos de ração e fezes da água de cultivo.

Publicidade
Publicidade

Na aquaponia esta fonte de nutrientes fará com que as hortaliças, verduras e legumes cresçam sem a necessidade de utilização fertilizantes e pesticidas em sua produção. Em anexo ao cultivo dos vegetais, geralmente em tanques com densidades consideráveis, estão os peixes que são favorecidos pela filtração que estes vegetais realizam na água ao absorverem os nutrientes, mantendo a sua qualidade durante o cultivo. O sistema de recirculação garante um baixo consumo de água por parte destes sistemas, consumo este que pode diminuir muito quando existem sistemas de coleta de água da chuva.

A aquaponia em pequena escala é relativamente simples e tem feito parte de projetos de conscientização sobre a sustentabilidade em escolas e renda extra para pequenos agricultores do interior. Porém, foi nestes últimos anos, que tem se investido mais no desenvolvimento de técnicas para a produção em larga escala em sistemas de aquaponia.

Publicidade

A crise hídrica atual de nosso país só faz aumentar a necessidade e a pressa de que se tenha investimento no país em sistemas como este, que produzam alimento de maneira sustentável.

Um exemplo deste desenvolvimento é a fazenda localizada no sul de Berlin, na Alemanha. A fazenda tem a capacidade de produção anual de 25 toneladas de peixes e 35 toneladas de verduras e legumes. Com cerca de 1,8 mil metros quadrados a fazenda teve sua inauguração no início deste mês e já é possível adquirir legumes e verduras cultivados na fazenda. Os primeiros peixes produzidos na fazenda só poderão ser adquiridos em outubro deste ano. Assim como os legumes e verduras os peixes são orgânicos, (recebem somente ração orgânica) e portanto, o preço destes produtos é consideravelmente mais elevado. A caixa de legumes e verduras é vendida pela quantia aproximada de 50 reais (15 euros) e tem o limite de oferta de 300 caixas por semana. O pedido é realizado através de assinatura digital e o comprador não tem o direito de escolher a variedade dos vegetais, que dependerá somente da disponibilidade na produção.A fazenda fica localizada em uma área populosa de Berlin, e por isso recebe o nome de fazenda urbana, escolha estratégica para unir qualidade, sustentabilidade e disponibilidade.

Publicidade

A questão é o quanto estamos dispostos a pagar por alimentos produzidos de maneira sustentável e isentos de qualquer contaminação. Quanto custará a saúde do planeta e a nossa afinal? #Negócios #Educação #Natureza