As altas temperaturas dos últimos dias tem causado mal estar na população. As capitais Aracaju, Maceió e Salvador foram as mais atingidas. Em Aracaju, a temperatura está oscilando entre 32,0º C a 34,0º C. Mas a sensação térmica é superior, causando incômodo.

Segundo o Climatempo, o calor intenso é chamado de "calor pré-frontal". O ar esquenta muito e fica acima da média normal. O que causa este fenômeno natural é uma frente fria que se aproxima da região. É uma pressão do ar polar que "empurra" e condensa o ar quente aumentando o aquecimento. Isto provavelmente indica que até aproximadamente sábado irão ocorrer chuvas em algumas cidades nordestinas.

Para aliviar o calor, os sergipanos estão recorrendo a mais banhos diários, ao uso de ventiladores, bebidas geladas, leques e ficam mais tempo em ambientes com ar condicionado, mas mesmo assim muitos reclamam que não está amenizando o calor.

Nas redes sociais, o calor virou motivo de piadas entre os internautas. Alguns chegaram a postar e compartilhar imagens do sistema solar posicionando o Estado de Sergipe bem próximo do sol. Comentários do tipo "calor da gota", "tá quente demais", dentre outros foram postados.

De acordo com o Climatempo, nos próximos dias, com a chegada da frente fria, em algumas capitais do nordeste, principalmente Salvador, irá provocar fortes chuvas, com ventania e também raios. E isso já está ocorrendo em algumas cidades nordestinas.

O meteorologista Overland Amaral em uma entrevista publicada no portal Infonet diz: esse tempo quente e abafado antecede a chegada das chuvas. É uma pré-chegada do sistema. Há bloqueio de massa de ar quente predominando no litoral e que nas próximas 24 h entrará em dissipação e possibilitará a incursão do esquema de chuvas.

As previsões de chuvas provocam esperanças nos agricultores que já estão preocupados com a falta de água. Essa é uma ótima notícia, pois além de aliviar esse calor intenso que acomete o povo nordestino, ainda ameniza um pouco a seca e a escassez de água.

#Natureza