A organização australiana Wires - Wildlife Information, Rescue and Education Service Inc., que é uma espécie de agência de salvamento, treinamento e de resgate de #Animais em perigo, apresentou ao mundo uma história sobre um animal, no mínimo cativante, algumas semanas atrás, em que a foto do registro e a história em si, rapidamente se tornaram viral na internet e em diversas redes sociais. 

Um homem chamado Beshara Timóteo, que é filho de uma das cuidadoras da organização da Austrália teve a ideia de compartilhar uma fotografia na rede social  Twitter, de um lindo órfão de canguru cinzento oriental, cujo nome é Doodlebug, que segurava de forma carinhosa um ursinho de pelúcia, na cidade de Nova Gales do Sul, também na Austrália. 

A foto foi transformando-se em um #Viral não só pela candura da cena propriamente dita, mas também pelo fato surpreendente de ser extremamente raro e inusitado que um canguru venha a segurar constantemente um ursinho de pelúcia como mascote ou parceiro das suas brincadeiras. 

Beshara disse que quando postou a fotografia do canguru na rede, ficou simplesmente maravilhado ao ler os comentários que foram escritos depois, pois a imagem acabou incentivando as pessoas a encararem os acontecimentos sob um prisma diferente quando elas têm um dia ruim, ou seja, a natureza acaba contribuindo para trazer alegria a todos, desde que se preste a devida atenção. 

A mãe de Timóteo chama-se Gillian Abad, que é uma das cuidadoras da Wires, foi a responsável pelo registro da fotografia e também foi a mulher que resgatou diretamente o pequeno canguru.

Publicidade
Publicidade

Beshara revelou que Doodlebug está hoje com 15 meses de idade, tendo sido encontrado em péssimas condições há pouco mais de um ano, uma vez que estava abandonado e era jovem demais para cuidar de si mesmo sozinho. 

O filhote de canguru encontra-se em um processo de retorno gradativo à natureza, sendo que se faz necessário adotar algumas medidas especiais para que essa transição ocorra com sucesso. Doodlebug nos dias atuais está habitando a área de um bosque que fica próxima à casa da senhora Abad, mas ainda retorna a casa da família uma vez ou outra. 

Quanto ao ursinho de pelúcia de Doodlebug, Beshara faz questão de dizer que o canguru se relaciona com o bicho de pelúcia como uma criança qualquer faria ou como o seu amiguinho. "Ele permanece do seu lado, pratica seus pontapés com o boneco e o abraça”, reitera Beshara.

Publicidade

#Comportamento