Em campanhas publicitárias da GNTO, sigla em inglês para Organização Nacional de Turismo da Grécia, algumas frases são utilizadas como chamadas, atraindo os turistas de todo o mundo para este pequeno e paradisíaco país dos Bálcãs, tais como: “Grécia! Um paraíso disfarçado de país” ou ainda, “Grécia! O quintal dos deuses na terra”. Independente dos #Negócios que o turismo grego proporciona, existem mistérios e curiosidades, os quais, de fato, só se originaram ou existem naquela parte do mundo.

Por exemplo, o famoso Monte Olimpo grego com 2.917 m de altitude, é o ponto culminante da região, tendo história e mitologia que encantam as pessoas pelo mundo afora.

Publicidade
Publicidade

A montanha geralmente é coberta por neve perene e para os gregos antigos era o local da habitação dos deuses com os seus palácios construídos por Hefesto, cuja entrada principal se constituía em um portão a base de nuvens, entrada essa resguardada pelas deusas comumente denominada Estações.

O Olimpo fictício tinha também o deus soberano Zeus, néctar, ambrosia e melodias passionais entoadas pelas Musas gregas. Por outro lado, não é sobre a Grécia ou o Monte Olimpo do universo mitológico que a matéria aborda, mas sobre algo real e concreto, nada de fantasia, que só existe realmente no Monte Olimpo e em mais nenhuma outra parte do mundo! Essa manifestação não tem a grandiosidade dos deuses mitológicos, mas, certamente, ganha em beleza, singeleza e encantamento sobre os mesmos.

Em grego é chamado de Giánkea ou Jankaea heldreichii no latim.

Publicidade

Mas o que é isso afinal de contas? É uma pequenina e linda planta endêmica daquele local, que conforme botânicos e cientistas, a espécie encontra-se muito bem preservada devido ao seu isolamento na montanha e a pouca ou quase nenhuma interferência humana no seu habitat.

A plantinha tem preferência pelos terrenos rochosos e de calcário com sombra abundante, crescendo em fendas sem muita luz do Monte Olimpo, produzindo abundantes flores na tonalidade lilás. A Giánkea em conjunto com outras espécies de plantas e flores vicejantes e multicoloridas, conferem uma atmosfera especial ao ambiente da montanha, sendo típicas da Grécia.

Na realidade, na montanha existem mais de 1.500 espécies de plantas que são endêmicas do país grego ou mesmo da região dos Bálcãs, representando de modo bastante importante a flora mundial.

Enfim, a beleza e o ambiente místico do paraíso chamado Grécia, remete todos a poetisa brasileira, Cora Coralina, que um dia escreveu: “fiz a escalada da montanha da vida removendo pedras e plantando flores”. Viva a Grécia e sua rica e importante herança cultural para toda a humanidade! #Natureza #Europa