Em 2011, quando o vulcão chileno Puyehue entrou em erupção durante meses, afetando diversos países latino americanos, inclusive o Sul do Brasil, onde carros, casas e árvores amanheceram com uma camada branca dos resíduos vulcânico, praticamente todas as pessoas perceberam a capacidade desses gigantes rochosos em influir no clima.

Agora, um outro vulcão, chamado Hekla, considerado um dos mais ativos da Islândia, tem deixado especialistas em estado de alerta. De acordo com informações do jornal inglês Daily Mirror, cientistas acreditam na possibilidade de uma mega erupção acontecer em breve, após eles detectarem um aumento na pressão interior do vulcão.

Publicidade
Publicidade

Localizado no Sul da Islândia, a última vez que o Hekla mostrou sua ‘fúria’ foi em 2000. Porém, 16 anos depois ele parece ‘acordar’ da hibernação. Segundo Páll Einarsson, professor da Universidade da Islândia, o grande corpo rochoso representa uma ameaça real ao mundo. “Hekla é um vulcão perigoso. Poderíamos estar olhando para uma grande catástrofe quando a próxima erupção começar, se não tivermos cuidado”, disse Einarsson, ao ressaltar que o vulcão apelidado de ‘passagem para o inferno’ pode entrar em atividade a qualquer instante, devido as leituras da pressão já serem mais elevadas do que na última vez que ele ‘acordou’.

Conforme o Mirror, em 2010, quando um vulcão próximo ao Hekla, chamado Eyjafjallajökull, entrou em erupção, a enorme nuvem de cinzas se espalhou pela Europa, e chegou a interromper voos para o Reino Unido.

Publicidade

Além do perigo iminente, o professor destacou o fato de o vulcão ser frequentemente visitado por turistas. “Hekla tornou-se um destino turístico muito popular”, salientou o pesquisador, ao reportar que nessa época do ano – Verão na Islândia – vários grupos de turistas exploram o local.

Para completar o hipotético cenário catastrófico, caso ele entre em erupção, Einarsson comentou que dezenas de aviões sobrevoam o monte rochoso diariamente. “Há também 20-30 aviões cheios de passageiros voando bem por cima do Hekla todos os dias”, concluiu.

O país tem os vulcões mais ativos do mundo. Dos 130 catalogados, 30 deles são classificados como ativos. #Curiosidades