Em alguns momentos, pode parecer que não, mas o seu amiguinho de quatro patas é quase igual a uma criança. O que muda, basicamente, é o excesso de pelos e o formato do corpo.

Criar um bichinho de estimação, nesse caso um cachorro, é basicamente como ter um cristal em suas mãos, ou seja, é importante ter o máximo de cuidado em qualquer situação. Para que o cãozinho possa aprender a conviver com os demais seres, iguais ou diferentes, é necessário que ele crie bons hábitos de convivência durante o seu crescimento. Pois, caso o cachorro não se adapte corretamente, é possível que ele torne-se um animalzinho estressado e/ou assustado. Mantenha a atenção para estes 5 pontos com os quais o cachorro sempre deve manter contato:

1. Outros animais

É extremamente importante fazer com que seu bichinho conheça o mundo exterior.

Publicidade
Publicidade

Ele precisa ter noção que existem outros de sua espécie, e que o mundo também é habitado por outros seres. Desta forma, ele aprenderá a viver com os demais de forma saudável e amigável, seja com os gatos, os pássaros ou outros animais que você tenha em casa ou não.

2. Ambientes com muitas pessoas

Talvez você possa não ser tão sociável assim, mas, essa dica, está relacionada diretamente com a importância do animalzinho estar em contato com grandes públicos. Por meio dessa prática, o bichinho aprenderá a controlar seu temperamento, principalmente se você mora sozinho(a). O cãozinho deve ter certeza que poderá ficar tranquilo em situações onde muitas pessoas estejam no mesmo local.

3. Pessoas idosas

Neste caso, a maior preocupação é com as pessoas mais velhas. O caso é justamente o contrário, pois, caso o cachorro não se adapte a um idoso, ele poderá machucar a pessoa e pensar que está somente brincando com ela.

Publicidade

Mostre ao seu companheiro que ele deve ser ainda mais carinhoso com as pessoas idosas.

4. Objetos com rodas

Principalmente no meio urbano, os #Cachorros devem estar adaptados aos variados tipos de objetos, como rodas, carros, bicicletas, motos etc. O animalzinho precisa se acostumar com estes objetos mais "agressivos", principalmente para evitar futuros sustos, enquanto estiver passeando em ruas quietas ou mais movimentadas. Desde filhote, acostume seu bichinho a andar nestes locais.

5. Cachorros e crianças

Este é o caso contrário das pessoas idosas, pois as crianças, muitas vezes, não têm ideia da sua força e podem machucar e/ou estressar o cachorro. Ele precisa estar acostumado com os pequenos desde filhote, de forma que ele possa aprender a se virar quando estiver com eles. Entretanto, é sempre importante estar de olho no seu amiguinho, pois, como dito anteriormente, eles também são como as crianças e precisam ser cuidados.

Aproveite as dicas para colocá-las em prática e adaptar ainda mais o seu amiguinho! #Cães