Geralmente, os indivíduos que têm em sua convivência #Animais de estimação apresentam um grande amor pelos mesmos, até por quê esses pequenos seres “irracionais” acabam preenchendo as vidas das pessoas ou cuidadores com alegria. Os animaizinhos de estimação acabam se tornando verdadeiros membros das famílias onde estão. Ao longo da história da humanidade, sempre ocorreu uma relação muito próxima e afetiva entre os seres humanos e as diferentes espécies de animais existentes, principalmente no que se refere aos gatos e cachorros. Um exemplo claro disso é que ao lado dos principais personagens históricos do mundo, havia sempre a companhia de algum animal.

Publicidade
Publicidade

E tanta doação e amor que esses seres têm para oferecer às pessoas que, em certa ocasião, a abnegada madre Teresa da Calcutá, ganhadora do Prêmio Nobel da Paz em 1979, escreveu o seguinte a respeito desses fieis companheiros: “Porque dão tudo sem pedir nada. Porque frente ao poder do homem que conta com armas, eles são indefensos. Porque são eternas crianças, não sabem nem de ódios nem de guerras. Porque não conhecem o dinheiro e se conformam só com um teto onde se refugiar do frio. Porque se fazem entender sem palavras, porque seu olhar é puro como sua alma”.

Como que por uma triste e feliz coincidência, ao mesmo tempo, é da Índia que vem a experiência que já tem um ano, mas que somente nos últimos dias o vídeo do acontecido acabou viralizando nas redes sociais de todo o mundo, levando muitos as lágrimas e reflexões sobre o real significado da vida e da coexistência amorosa entre o ser humano e o animal.

Publicidade

Certo dia, a organização de nome ‘Animal Aid Unlimited’, que foi criada com o objetivo de socorrer os seres que correm risco de morte e passam por aflições, acabou se deparando com um pequeno cão jogado a beira da estrada em uma zona carente de uma grande cidade indiana. O bicho estava totalmente coberto de sarna, sem forças e com um estado de subnutrição crônica, enfim, era um caso bastante complicado. Os funcionários da Animal Aid não podia permitir que o cão fugisse e decidiram o capturar como uma rede apropriada para tal, onde o conduziram imediatamente para um abrigo animal.

No 1º dia em que o cachorrinho foi submetido aos cuidados intensivos dos especialistas, esse não conseguia sequer se locomover, pois estava em carne viva, uma situação simplesmente deplorável. Por outro lado, o #Cachorro recebeu a aplicação sucessiva de remédios para acabar com a sarna, alimentação e foi tratado com soro por dez dias ininterruptos, quando, a partir de então, começou a se restabelecer gradativamente.

Publicidade

O ser, que esteve a beira da morte, não estava nem um pouco acostumado ao toque humano de carinho e acabava estranhando quando os protetores surgiam para cuidar dele; todavia, após passados dois meses de acompanhamento e muita ternura, o vídeo captura a saga que foi a vida desse cachorro na Índia, que teve a sua 2ª chance.

As cenas emocionantes do vídeo nos remetem novamente as palavras da madre Teresa que se expressou do seguinte modo: “por isso e mil coisas mais, eles (os animais) merecem o nosso amor. Se aprendermos a amá-los como eles merecem, vamos estar mais perto de Deus”. #Crime