O clima de tensão entre pessoas pró e contra a saída de Dilma Rousseff da presidência da República ainda continua. Após #Michel Temer assumir como o presidente interino do Brasil no lugar de Dilma, petistas e esquerdistas em geral têm demonstrado repúdio à Temer através de manifestações simbólicas pelo Brasil.

Em Belo Horizonte, capital mineira, ocorreu no início da tarde desse domingo, 15, uma manifestação na Praça da Liberdade, ponto de encontro já conhecido entre os manifestantes pró-impeachment e direitistas em geral. Na ocasião, o repórter da TV Globo, Odilon Amaral, realizava uma reportagem quando ele e o cinegrafista da emissora foram expulsos do local pelos manifestantes.

Publicidade
Publicidade

O profissional precisou ser escoltado pela guarda municipal de Belo Horizonte para evitar que fosse vitima de alguma agressão. Os manifestantes acusam parte da mídia de apoiar o impeachment, chamado por eles de 'golpe' e colocam boa parte dessa culpa sobre a TV Globo, que realizou a cobertura completa e ininterrupta da votação da abertura do processo de impeachment no dia 17 de abril por cerca de 12 horas, e exibiu várias reportagens negativas sobre o governo e também sobre as investigações contra Lula.

Assista ao vídeo da hostilização e expulsão do jornalista:

A Praça dos Protestos

Nesse mesmo local onde foi realizado a #Manifestação com alguns petistas nesse domingo, já foi palco de diversos outros protestos nesse ano. No dia 17 de abril, quando ocorria a votação na Câmara dos Deputados, um telão foi colocado na capital mineira e mais e trinta mil pessoas se aglomeraram para acompanhar e comemorar cada voto favorável à abertura do processo de impeachment de Dilma.

Publicidade

Veja um dos vídeos com imagens da manifestação:

No dia 1 de maio, o local reuniu vários manifestantes, dessa vez em apoio ao deputado federal e possível candidato a presidência da república pelo PSC, Jair Bolsonaro. Após um grupo pequeno de pessoas fazerem um protesto em frente ao condomínio do político, no dia 24 de abril, pessoas de diversos lugares do país decidiram ir às ruas demonstrando apoio ao deputado, que tem sido um dos principais alvos da esquerda por sempre falar a verdade e não ter o seu nome relacionado com nenhum esquema de corrupção.

Para saber como foram as manifestações à favor de Bolsonaro, clique aqui.

Deixe a sua opinião sobre essa notícia com um comentário. #PT