Um casal do Sul mineiro utiliza filho para aplicar um #Golpe, através das redes sociais e sites de notícias. Cristiano de Jesus da Silva e sua esposa, Edmara Cristiane Vieira, providenciaram documentos falsos declarando que seu bebê, que está com 6 meses, apresentou no teste do pezinho um quadro de leucemia congênita aos 17 dias de nascido, necessitando de uma quantia de R$ 5.000,00 para viajarem até São Paulo em busca do tratamento para a criança. 

Todos os detalhes foram pensados para executar a fraude, incluindo a contratação de um fotógrafo, um anúncio em um site e redes sociais. Quem fez as fotos foi Cristiano; ele revelou que a mãe parecia estar realmente abalada e emocionada, revelando a ele sua preocupação com o garotinho.

Publicidade
Publicidade

O casal, que é da cidade de Alfenas/MG, só não contava com um adendo: a avó do menino apareceu para desmentir os criminosos e revelar toda história por trás disso tudo. Débora Cristina Vieira disse que o menino se chama Pedro, que é saudável. Falou ainda que possui legalmente a guarda do menor há dois meses, que ele foi retirado dos pais pelo Conselho Tutelar da região e passou até mesmo por um abrigo social antes de ir para a casa dela.

O motivo da perda da guarda é terrível e deixa o casal em um cenário muito mais cruel, eles foram apontados como agressores da criança, que havia sido espancada e sofrido ainda uma tentativa de estupro. Segundo a avó, a mãe do bebê é dependente química.

Edmara e Cristiano já são velhos conhecidos da polícia mineira. Ela tem 3 mandatos de prisão, e o homem passagens por lesão corporal, tráfico de drogas e porte ilegal de armas.

Publicidade

A mulher foi capturada e está detida no Sistema Prisional de Alfenas, e ele é considerado foragido da justiça e está sendo procurado em toda a região.

Infelizmente, crimes como este são cada vez mais constantes, e acabam prejudicando campanhas sérias que buscam auxiliar doentes e famílias no processo de tratamento. Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), esta é a segunda doença que mais mata no Brasil. #cancer #TV Alterosa