Por meio do Diário Oficial do Estado, foi divulgado o novo concurso público do Detran, regido pelo edital n° 001/2015 que tem o objetivo de preencher 489 vagas, além da formação de cadastro reserva. As oportunidades são para cargos de níveis médio e superior, sendo assim os salários inicias variam entre R$ 1.510,37 e R$ 6.053,01 com jornada de #Trabalho que pode variar entre 40 e 20 horas semanais, depende da vaga em questão.

O Departamento Estadual de Trânsito do Estado do Mato Grosso está disponibilizando vagas nas funções de Auxiliar e Agente do Serviço de Trânsito e Analista.

Para as vagas de Analista de Serviço de Trânsito é necessário ter ensino superior para as seguintes funções: Psicólogo, Profissional de Comunicação Social, Profissional de Educação, Pedagogo, Médico do Trabalho, Medicina de Tráfego, Estatístico, Engenheiro Mecânico, Engenheiro Eletricista, Engenheiro Civil, Economista, Contador, Biblioteconomista, Assistente Social, Arquivologista, Arquiteto, Analista de Sistemas e Administrador.

Publicidade
Publicidade

Para agente do serviço de trânsito é necessário formação nas áreas de Vistoria Veicular, Interprete de Libras e Fiscalização de Trânsito.

Para ensino médio as vagas são de auxiliar do serviço de transito nas áreas de auxiliar de manutenção, auxiliar de informática, motorista com carteira letra D e atendimento.

As inscrições devem ser realizadas através da internet, no site oficial da UFMT. É possível se inscrever até o dia 07 de junho. Para as funções de Analista do Serviço de Trânsito a taxa de inscrição é no valor de R$ 120,00, para Agente é de R$ 80,00 e para os cargos de Auxiliar o valor é de R$ 60,00. Independente da data de inscrição, o prazo máximo para recolhimento da taxa é dia 08 de junho.

O processo seletivo consiste em aplicação de provas objetivas para todos os candidatos.

Publicidade

Os interessados nas vagas de Analista do Serviço de Trânsito também passarão por prova de títulos.

As provas serão aplicadas nas seguintes cidades: Tangará da Serra, Sinop, Rondonópolis, Juína, Cuibá, Cáceres, Barra do Garças e Alta Florestas.