Quem está procurando uma colocação no mercado de trabalho sabe o quanto é importante estar atualizado e sempre investir em qualificação profissional, assim os cursos grátis são uma opção de estudo bastante eficaz. A FGV está com cursos gratuitos abertos em diversas áreas, a maioria deles em Gestão Empresarial e Direito.

O ponto positivo desses cursos é que são completamente online, não tem pré-requisitos mínimos, você pode começar o #Curso logo depois da inscrição e são bem curtinhos, cerca de cinco horas cada um.

O curso de Argumentação Jurídica é de autoria do professor Felipe Dutra Asensi. O objetivo é realizar uma reflexão sobre a argumentação jurídica com foco nas peculiaridades do Brasil.

Publicidade
Publicidade

O curso busca estabelecer as principais estratégias, a dinâmica e os elementos característicos da argumentação. Com duração de 5 horas, qualquer pessoa pode fazer esse curso.

O curso Como Fazer Investimentos é da área de Gestão Empresarial, ideal para quem quer começar um negócio ou está procurando no que investir. Com duração de 12 horas, o curso tem como objetivo dar o embasamento para que pessoas e famílias realizam investimentos levando em consideração suas características pessoais para que os objetivos de investimento sejam atingido de maneira fácil e correta. As aulas são básicas e por isso apresentam as bases necessárias para que a pessoa comece a investir levando em consideração o retorno e os riscos.

O curso Como planejar a aposentadoria é ideal para pessoas que se preocupam com o futuro e não querem depender apenas do INSS na hora de se aposentar.

Publicidade

Com 10 horas de duração, o objetivo é oferecer conhecimento para que as pessoas se organizem para quando não estiverem mais trabalhando.

Para se inscrever é só acessar o site oficial da FVG e realizar o cadastro. São mais de 40 cursos rápidos disponibilizados e você pode fazer quantos cursos desejar. O mais longo deles tem duração de 30 horas, Era Vargas: do Estado Novo a 54, e é ideal não só para quem faz faculdade de história, mas também para complementar os conhecimentos.

#Educação