Saiba mais sobre a nova portaria do FIES, que foi publicada nesta sexta-feira (03).

Preste atenção nas instruções, há algumas mudanças significativas. O anúncio foi feito pelo ministro da #Educação, Renato Janine Ribeiro. Ele é válido para as inscrições a serem efetuadas no segundo semestre de 2015. Não foram divulgadas as datas e nem citado o número de vagas.

Saiba as mudanças a seguir: 

· Instituições com notas 4 e 5 terão mais vagas ofertadas;

· Haverá prioridade para as regiões norte, nordeste e centro-oeste (excluído o distrito federal);

· Carreiras de engenharia, área de saúde e formação de professores terão a preferência;

· As principais mudanças são a taxa de juros de 6,5% e um novo teto de renda familiar (2,5 salários mínimos) que segundo o ministro engloba 90% das familias brasileiras

· Será exigida nota mínima de 4,5 no ENEM, além de não zerar a redação;

· Quem tiver contrato com o FIES irá receber desconto de 5% das instituições de ensino;

· O prazo de pagamento será de três vezes a duração do curso;

· Novos critérios de desempate: maior nota na redação; maior nota na prova de linguagens, códidos e suas tecnologias; maior nota na prova de matemática e suas tecnologias; mMaior nota na prova de ciências humanas e suas tecnologias.

Os valores maiores de mensalidade e os juros farão com que um grande número de alunos possa não ter condições de frequentar.

Publicidade
Publicidade

É preciso tomar cuidado com as instituições particulares que trabalham com crédito educacional (alerta efetuado por analistas) que oferecem complemento de financiamento. Isto poderá aumentar em muito o custo do curso. As regras no que diz respeito a este ponto são livres. Não há regulamentação da intervenção de instituições.

Algumas instituições de ensino superior estão propondo aos alunos assumir o pagamento dos juros, para poderem diminuir a evasão que poderá acontecer. É preciso cuidado com relação a este aspecto.

Preste a máxima atenção a novos avisos. Estas regras hoje estabelecidas ainda não foram submetidas ao crivo popular e à ação de políticos. Elas podem mudar as regras do jogo. Toda a atenção é pouca.