Na última segunda-feira, 21, a apresentadora Maria da Graça Xuxa Meneghel acabou estimulando uma atividade criminosa. Ela pediu que telespectadores postassem seus números de telefone em uma página oficial do Facebook. Em troca, eles concorreriam a prêmios em dinheiro. Não demorou muito para que aproveitadores usassem os dados para cometer crimes. Diversas outras páginas na internet, que também usam o nome da famosa, usaram a mesma mensagem que ela. Os internautas mais distraídos não perceberam que essas não eram uma fonte oficial e enviaram seus números de celulares. 

A Record e Xuxa preferem não falar sobre o assunto, mas chegou até nós dois depoimentos que demonstram o perigo dessa atividade.

Publicidade
Publicidade

Ambas as fontes preferiram não se identificar. Um homem de 31 anos de São Paulo disse que uma pessoa se dizendo da produção da comunicadora disse que ele participaria de uma espécie de sorteio. Para participar, ele precisaria depositar R$ 200 em uma conta corrente. Com medo da situação e achando estranho, a vítima acabou sendo prevenida e viu que se tratava de um golpe. "Nossa, eu fiquei primeiro muito feliz, achando que tinha ganho um dinheiro legal, mas depois percebi que tudo se tratava de um #Crime", disse o rapaz.

A situação foi ainda pior para uma dona de casa de 48 anos de Belo Horizonte. Ela que tem um filho adolescente posta diversas fotos de seu cotidiano no Facebook e não foi fácil para os criminosos descobrirem qual era o nome do rapaz, idade e outros dados. Um homem de dizendo um sequestrador disse estar sob posse do rapaz.

Publicidade

Outra pessoa no telefone chegou a dar gritos pedindo socorro. Por sorte, o jovem estava em casa com a mãe, mas mesmo assim ela se disse assutada. "Nossa, acho que se ele não tivesse em casa eu ia acabar dando o dinheiro para os criminosos", disse a vítima.

Como providência, a dona de casa preferiu fechar seu Facebook apenas para amigos. Ambas as vítimas preferiram não prestar boletim de ocorrência. "Essas coisas são um descuido nosso também. Não ia adiantar muita coisa fazer queixa", argumentou a mulher.  #Televisão