Um dos temas que mais repercutiram na mídia em 2015 foi o racismo. Não faltaram personalidades vítimas de vários tipos de preconceitos. O ano já está no seu fim, mas novos episódios polêmicos ainda acontecem. A nova discussão da vez é a #Música 'Cabelo de Chapinha', considerada preconceituosa. A canção gerou tanto debate e repúdio na internet que o cantor Bell Marques e os compositores Fagner, Felipe Escandurras e Gileno foram convidados pelo Ministério Público, MP, para assinarem um Termo de Ajustamento de Conduta. A Promotora de justiça Márcia Teixeira anunciou nesta segunda-feira, 14, que após análise e com a concordância dos artistas, a música foi alterada. 

A canção foi lançada no dia 08 e menos de uma semana depois foi alterada.

Publicidade
Publicidade

Bell cantou o que promete ser o novo hit de verão em um programa de #Televisão. Os presentes não gostaram tanto da canção, que dizia que o homem prefere uma negra com cabelo liso, negando assim as raízes e a beleza afro. Após assinar o Termo de Ajustamento de Conduta, Marques fez um desabafo na internet, no qual disse que a visita ao Ministério Público ocorreu por sua linda vontade. Ele revelou que todos os músicos concordaram com a mudança e que ali mesmo uma nova letra foi proposta, "Fizemos as modificações necessárias para assegurar que nenhuma mulher se sentisse desrespeitada", escreveu o profissional da música. Ele publicou ainda que 'Cabelo de Chapinha' ficou até mais bonita após as modificações. 

Xô, Preconceito!

No meio do ano, a jornalista Maria Júlia Coutinho recebeu inúmeros comentários racistas através das redes sociais.

Publicidade

Um ação conjunta da polícia e do MP de São Paulo já apreendeu dezenas de documentos, computadores e outros artigos que possam servir como provas. Entre os envolvidos no ataque racista, existe jovens e pelo menos um menor de idade. "Não vou esmorecer", disse a profissional da mídia. Além dela, Taís Araújo, Cris Vianna e Sheron Menezes também viram seus nomes ganharem destaque na imprensa pelo fato de ofensas preconceituosas com seus nomes ganharem a web. #Famosos