Zeca Pagodinho, um dos mais prestigiados e queridos cantores brasileiros, acaba de ser condenado a 3 anos de prisão. O motivo é que Zeca fraudou vários contratos de shows realizados em 2008, na 15ª Expoagro, quando foi comemorado o aniversário da cidade de Brasília. Pelo menos outras quatro pessoas também estão envolvidas na fraude e todas elas irão pagar por seus atos.

O cantor já recebeu a notificação sobre sua condenação e através de sua assessoria informou que em breve estará se pronunciando a respeito.

A PRODEP - Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público e Social - condenou o pagodeiro a 3 anos de detenção e poderá ser em regime aberto, sendo que essas informações foram confirmadas pela Secretaria de Comunicação do Ministério Público de Brasília nesta terça-feira (01).

Publicidade
Publicidade

Alguns dos integrantes da “Brasiliatur”, empresa já extinta, também foram condenados, sendo que Luiz Bandeira da Rocha Filho, Ivan Valadares e César Augusto pegaram 4 anos e 8 meses de detenção e no caso deles será em regime semiaberto. Estes integrantes ainda foram condenados a pagarem uma multa no valor de 2% dos dois contratos realizados.

Aldeyr Cantuares, que é responsável pela "Star Comércio, Locação e Serviços Gerais Ltda.", também foi condenado e terá que cumprir 3 anos e 6 meses de detenção, sendo também em regime aberto como Zeca Pagodinho, mas será obrigado a pagar multa de 2% referente ao valor dos contratos.

De acordo com o Ministério Público, Zeca Pagodinho e os demais citados superfaturaram os contratos de dois shows que foram realizados em Brasília na Expoagro. Só o cachê de Zeca Pagodinho ficou em mais de R$ 170 mil.

Publicidade

Em apresentações que foram realizadas pelo pagodeiro alguns meses antes o valor cobrado foi bem menor.

Já no aniversário da capital do Brasil, Zeca cobrou R$ 120 mil por um show que durou apenas 45 minutos. Este mesmo valor já foi cobrado por ele para apresentação de show com no mínimo 1 hora e meia.

A pena já foi convertida em prestação de serviços à comunidade e por isto Zeca Pagodinho não será preso. #Famosos #Música #Casos de polícia