Agora a pouco no início da tarde desse domingo, 24 de janeiro, uma briga entre vendedores ambulantes acabou em tragédia, um assassinato na praia da Lagoinha, que fica na região norte da Ilha, na capital catarinense Florianópolis, de acordo com a Polícia Militar de Santa Catarina.

Segundo informações ocorreu uma briga entre pelo menos três vendedores ambulantes, e que um dos vendedores acabou com uma facada no peito, vindo a óbito aproximadamente as 13:30. A polícia foi acionada logo após o homem ser esfaqueado na areia da praia, os autores do homicídio fugiram logo em seguida, e a PM deu início as buscas para capturar os criminosos.

Publicidade
Publicidade

Em busca de tentar ampliar as chances de sobrevivência um helicóptero do SAMU e Corpo de Bombeiros, conhecido como helicóptero Arcanjo foi acionado e fez os primeiros socorros, mas foi insuficiente e o homem acabou não resistindo os ferimentos e morrendo no local.

Até o momento a vítima não teve seu nome divulgado, apenas sabemos sua profissão que é de ambulante nas praias de Florianópolis.

Um morador da região da praia da Lagoinha que presenciou a ação criminosa afirma que estava com a família na praia e que o assassinato aconteceu de forma muito rápida.

Ainda de acordo com esse morador: ‘ a praia estava cheia de pessoas divertido com sua família, brincando, e como sempre os ambulantes trabalhando, tentando fazer seu ganha pão, mas do nada surgiu um homem e esfaqueou o outro e saiu correndo logo em seguida.

Publicidade

O pânico foi geral, mães tentando consolar e proteger seus filhos, todo mundo ficou pasmo, é algo muito triste de se ver’.

Um salva vida da praia da Lagoinha foi o primeiro a prestar os primeiros socorros a vítima até a chegada do helicóptero Arcanjo, e ele afirma que havia um policial nas intermediações à paisana, pois estava de folga, e o ajudou nos primeiros socorros.

Após a ação criminosa, o movimento da praia acabou e os banhistas e famílias se dispersaram com a sensação de insegurança.

O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal para os procedimentos legais e em seguida será liberado para família. #Crime #Casos de polícia