Neste sábado, 26, começou uma campanha através de sites como o Facebook e o WhatsApp que pede a demissão de um dos mais polêmicos jornalistas da atualidade, Paulo Henrique Amorim. O profissional da mídia já foi condenado diversas vezes por publicar informações contra adversários e até colegas de trabalho. Apesar de ser contratado da TV Record e apresentar o 'Domingo Espetacular', Paulo espalha seus comentários políticos através do blog 'Conversa Afiada', um dos sobre política mais acessados no Brasil. No blog, ele defende a permanência da presidente da república Dilma Rousseff no poder, além de também fazer comentários e publicações que seriam favoráveis a Luiz Inácio Lula da Silva e ao Partido dos Trabalhadores, o PT. 

Tanto apoio e capacidade de gerar milhares de visualizações fez com que o jornalista virasse pessoa não grata de muita gente que luta para que a presidente saia do poder.

Publicidade
Publicidade

Por isso, uma campanha pede que a TV Record, através de seu dono, o bispo da Igreja Universal Edir Macedo, rompa com o profissional da mídia. Recentemente, o partido ligado à igreja rompeu laços com Dilma, como bem informou o jornalista Ricardo Feltrin, do UOL. Mesmo evitando tocar em política, Edir Macedo deu o aval ao PRB para que o desligamento fosse realizado. 

"Vamos boicotar a Rede Record até que ele seja demitido", diz uma das imagens compartilhadas com grande força através das redes sociais. Alguns blogs divulgam uma informação, que ainda não foi confirmada por nenhuma das partes, na qual o jornalista receberia milhões de reais do governo em publicidade. Pagar por publicidade do governo não é crime, muito menos receber algum patrocínio do tipo, desde que esse seja informado para a receita federal e que o governo faça a prestação de contas à união.

Publicidade

Ao todo, o jornalista teria recebido mais de R$ 6 milhões nos últimos anos em seu blog. 

Recentemente, segundo informações do jornalista Flavio Ricco, a Record e o jornalista se reuniram. Na pauta, a emissora disse que Paulo poderia continuar fazendo seus comentários na internet.  #Dilma Rousseff #Impeachment #É Manchete!