A data da páscoa está chegando e o Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia) iniciará a "operação especial páscoa" dia (7), segunda-feira, indo até o dia (11) de março. Através dessa ação o instituto iniciará uma fiscalização nos locais de vendas de ovos de páscoa com brinquedos.

O Inmetro do Pará irá averiguar com sua equipe se os brinquedos que estão dentro dos ovos possuem o certificado de identificação de conformidade, pois ele é um indicador de que foi feita uma vistoria e os brinquedos estão dentro das medidas estabelecidas.

Após a vistoria, eles irão emitir um parecer informando se encontraram erros e sinalizar para os responsáveis pela fabricação.

Publicidade
Publicidade

Através desse procedimento o Inmetro pretende acabar com o comércio de produtos irregulares, pois muitas vezes o consumidor é enganado. Muitos ovos de páscoa com brinquedos possuem uma garantia, mas a mesma não tem o selo do Instituto de Fiscalização (Inmetro), por isso a importância dessa vistoria. Os consumidores precisam ter a certeza de que os brindes são seguros e não oferecerão risco para as crianças.

Alfredo Lobo (diretor da avaliação da conformidade) informa que é necessário ficar atento na hora de comprar os ovos de chocolate com as surpresas. É preciso verificar se no produto consta etiqueta: "ATENÇÃO” contém brinquedo certificado no âmbito do sistema brasileiro de avaliação da conformidade.

Com o selo no produto as pessoas poderão ficar tranquilas, pois indicará que o mesmo foi submetido a testes e que foi comprovada a segurança do mesmo.

Publicidade

Os pontos comerciais que forem autuados terão o prazo de 10 dias para se pronunciarem no Inmetro. Eles estarão sob pena da lei e poderão pagar multas relativas, que variam de R$100 a R$1,5 milhão.

Os consumidores que verificarem irregularidades em qualquer estabelecimento ou nos produtos poderão denunciar para a Ouvidoria do Inmetro, no telefone 0800-285-1818 ou enviar e-mail para ouvidoria@inmetro.gov.br.

A páscoa está se aproximando e é hora de pesquisar. #Finança