Uma linda jovem de 18 anos, morreu após inalar gás de buzina,  durante uma festa na cidade de Rio Preto, interior de São Paulo. Inalar gás de buzina é a nova "onda" entre adolescentes e jovens, eles ignoram os riscos e colocam a própria vida xeque mate.

De acordo com o portal de notícias G1 a estudante Maria Luíza Perez Perassolo, de 18 anos, morreu na madrugada deste sábado (26), durante uma festa depois de inalar gás de buzina. Este é o segundo caso ocorrido na região, já que em fevereiro, um outro jovem de 33 anos, também morreu devido ao uso do gás.

O que era para ser uma noite de alegria acabou em morte e tristeza

Maria Luíza, participava de uma festa com amigos, na área de lazer de um condomínio residencial na cidade de Rio Preto.

Publicidade
Publicidade

Segundo o boletim de ocorrência, a estudante começou a passar mal depois de ter inalado o gás de buzina.

Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, uma equipe de resgate foi chamada ao local, para prestar os primeiros socorros à jovem. A vítima chegou a ser sorrida e todas as manobras possíveis foram feitas na tentativa de a manterem viva, mas infelizmente ela morreu antes de ser levada para uma unidade de saúde mais próxima. Segundo a Polícia ela teve uma parada cardíaca irreversível.

Jovem inalou o gás diversas vezes na festa

Uma testemunha que não quis se identificar, afirmou que Maria Luíza, "cheirou" o gás de buzina diversas vezes. A testemunha informou a Polícia Cívil, que foi a jovem quem comprou a buzina na loja de conveniência em um posto de combustíveis próximo ao condomínio onde a festa estava sendo realizada.

Publicidade

Somente o laudo do IML - Instituto de #Medicina Legal, poderá apontar o que realmente aconteceu com a estudante. O enterro de Maria Luíza está marcado para o fim da tarde deste sábado (26).

O gás de buzina é extremamente toxico

Conforme apurações feitas junto ao Ceatox - Centro de Toxicologia do Hospital de Base, referência na região de Rio Preto, o gás que fica dentro do frasco da buzina é extremamente toxico. Este gás é composto por derivados de petróleo, conhecidos como, butano e propano, os mesmos usados em isqueiros, geladeira e ar condicionado.

Segundo a farmacêutica Gisela Cipullo Moreira, o gás entra no organismo a -20ºC, provocando queimaduras em todo o sistema respiratório. Depois de inalado ele pode causar, náuseas e vômitos, e ao atingir o sistema nervoso central, pode provocar, convulsões, alucinações, euforia e desânimo. Como o gás entra em uma temperatura muito baixa no organismo, pode ainda causar edema pulmonar, e no coração arritmia e infarto". #Investigação Criminal #Casos de polícia