O clima na tarde desta terça-feira, 08, esquentou na TV Anhanguera, em Goiás. A emissora, que é afiliada da Rede Globo de Televisão no estado teve sua sede invadida por manifestantes que não concordam com a forma como o canal da família Marinho tem noticiado informações sobre a política nacional. O movimento, segundo informações do site 'Natelinha', foi encabeçado por partidários da presidência da república. O ato pró-Dilma teria o apoio ainda do Partido dos Trabalhadores, o PT, e também do Movimento dos sem terra, o MST. 

O protesto não começou na porta da Globo, mas sim em um prédio oficial. Ele corria normalmente, quando no fim da tarde cerca de trezentas pessoas começaram uma pequena confusão na portaria da Secretaria de Justiça do estado de Goiás.

Publicidade
Publicidade

Os manifestantes diziam mensagens de apoio à #Dilma Rousseff. Após o protesto na rede estadual do governo goiano, centenas de pessoas foram até a sede da TV Anhanguera, localizada em um bairro nobre de Goiânia.

Por volta das seis da tarde, o clima ficou tenso no local e a maioria dos manifestantes invadiu o saguão do prédio do canal. Quem foi protestar dentro da emissora gritou novas palavras de ordem. Os contrários a maior rede de televisão do país acusaram a Globo de apoiar a ditadura e disseram que o povo não é bobo. Em seguida, pediram para que o rede de TV fosse 

A afiliada da Globo cobriu tudo e exibiu informações da invasão, transmitindo essa no seu telejornal local noturno. Como na região a emissora tem grande audiência, não demorou muito que os telespectadores se posicionassem. No momento em que a TV Anhanguera dada informações sobre a #Manifestação, moradores da região começaram a gritar para que Dilma Rousseff saísse do governo.

Publicidade

Houve ainda o tradicional panelaço, além de gritos apoiando a rede de TV. 

Pouco antes das oito da noite, a polícia foi chamada e houve confronto. Alguns manifestantes jogaram pedras nos policiais, que também contra-atacaram, jogando gás de efeito moral. Não há informações de feridos graves na manifestação, que chegou ao fim.  #Rede Globo