Na manhã desta quinta-feira, 17, o clima político no Brasil ficou ainda mais acirrado. Praticamente todas as emissoras de televisão aberta do país, com exceção do SBT, exibiram a posse do novo Ministro da Casa Civil, o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. Durante a fala de Dilma Rousseff, manifestantes a favor do governo começaram a gritar palavras de ordem contra a Rede Globo de Televisão, que também transmitia a posse. Uma das frases gritadas é a de que o canal teria apoiado a ditadura militar no país. Após a posse, a apresentadora Sandra Annenberg, que ancorava a cobertura pela Globo, leu uma nota com a resposta da emissora, que disse que entendia que todos tem o direito de protestar, mas que ela, assim como a imprensa "não produzia grampos".

Publicidade
Publicidade

Sandra fez referência à ligação telefônica entre #Lula e Dilma interceptada pela Polícia Federal. Como até então não tinha foro privilegiado, Luiz Inácio Lula da Silva poderia ser grampeado por Sérgio Moro, assim como aconteceu. De acordo com o juiz, o ex-presidente tentou atrapalhar as investigações contra ele. Além disso, a conversa com Dilma mostraria que houve uma certa proteção do governo em relação ao assunto. A revelação das ligações mexeu com o mundo político. Na manhã desta quinta, o vice-presidente da república, Michel Temer, deu sinais de que está deixando o governo. Em conversa com jornalistas da Globo em Brasília, ele disse que não poderia ir na posse de alguém que sofre sérias acusações. Além da Lava Jato, Lula também é investigado por conta do Triplex, em São Paulo.

Publicidade

E a Justiça Federal acabou de suspender os efeitos da posse de Lula como ministro. A decisão é imediata e Dilma precisa acatar. Do contrário, pode sofrer sanções judiciais. Mais informações você terá a qualquer momento aqui na Blasting News.

Não demorou mais do que meia hora o momento em que Lula foi empossado Ministro da Casa Civil até o instante que a Justiça Federal cancelou a decisão da presidente Dilma Rousseff. O momento é de completa instabilidade. 

De acordo com juristas, a decisão da Justiça Federal cabe recurso, mas tem efeito antes mesmo de que essa seja realizado. Ou seja, Lula já deixou de ser Ministro. Portanto, também, perde o foro privilegiado. #PT #Impeachment