Morreu na noite desta quinta-feira, 24, o ator Daniel Lobo. Ele ficou conhecido do grande público por ter interpretado o personagem Pedrinho na televisão no infantil 'Sítio do Pica Pau Amarelo', programa baseado na história de Monteiro Lobato de mesmo nome. Daniel interpretou seu papel mais conhecido no ano de 1986. Ele faleceu na cidade de Tubarão, em Santa Catarina. De acordo com informações do portal de notícias UOL, o profissional da dramaturgia lutava contra um tumor e estava internado no Hospital Nossa Senhora da Conceição. As primeiras informações dão conta que Daniel Lobo teve uma piora em seu quadro de saúde nos últimos dias, vindo a falecer nesta quarta. 

Depois de fazer o papel popular de Pedrinho na televisão, Lobo decidiu dedicar sua vida ao teatro.

Publicidade
Publicidade

Atualmente, ele dirigia e atuava em 'Nise da Silveira - Guerreira da paz'. A peça chegou a ser exibida em cidades como Florianópolis antes de Daniel ser internado por conta do tumor. O espetáculo conta a via da psiquiatra alagoana de mesmo nome da peça. Não há informações sobre o velório e quando este será realizado. O último post do ator no Facebook foi publicado no dia 14 de março. Sem dar maiores  explicações, ele disse que ficaria ausente da rede social e pediu que caso houvesse necessidade, que entrassem em contato com uma mulher de nome Flávia. Antes disso, ele chegou a publicar algumas reflexões sobre a vida. 

A última peça da carreira do ator chegou a sair de Florianópolis e ganhar um espaço visto como mais pomposo, o Museu de Arte de São Paulo. O espetáculo, no entanto, ficou apenas seis semanas em cartaz, precisando ser cancelado por conta dos problemas de saúde do ator e diretor.

Publicidade

A interrupção da peça aconteceu dois dias antes de Daniel se despedir das redes sociais. 

Muitos amigos usaram o Facebook para se despedir do ator. Um deles explicou o que havia acontecido com profissional. "Queridos, lamento dar esta notícia tão triste: nosso querido amigo Daniel Lobo acaba de falecer. Foi operado de um tumor em Tubarão, num primeiro momento deu tudo certo mas depois houve uma infecção generalizada, publicou.  #É Manchete!