Quanto custa uma manifestação partidária? Os valores podem ser altíssimos. Alguns deles foram expostos na manhã desta quinta-feira, 31, pelo site da 'Revista Veja', momentos antes do Partido dos Trabalhadores, o PT, começar mais um dia de protestos a favor da presidente da república #Dilma Rousseff. De acordo com a revista, cada manifestante recebe uma ajuda de custo da legenda, conhecido como 'Vale Mortadela', os valores desse vale variam entre R$ 70 e R$ 150 mil. O partido não confirma, nem nega que realmente pague alguém para manifestar. No entanto, diversos flagrantes já foram feitos em outras manifestações, onde além de pão com mortadela e quentinhas, as pessoas receberam quantias em dinheiro, geralmente valores menores do que foi apontado agora pela Revista Veja.

Publicidade
Publicidade

De acordo com o #PT, eram esperadas 100 mil pessoas nos protestos a favor da presidente. Se todas elas comparecessem e recebessem o valor do partido, seriam necessário entre R$ 7 e R$ 15 milhões só para pagar o "cachê" dos manifestantes, fora outros custos, como aluguel de carros de som de de ônibus. E não serão poucos os ônibus alugados. De acordo com a Agência Nacional de Transporte Terrestre, a ANTT, mais de 500 ônibus foram autorizados a entrarem na capital brasileira. Eles devem trazer em torno de 20 mil pessoas, mesma marca que a polícia militar espera pela manifestação de logo mais, chamada por #Lula e seus apoiadores de "a favor da democracia" e contra "o golpe". 

O ex-presidente da república Luiz Inácio Lula da Silva deve mais uma vez fazer um discurso dizendo que estão querendo assumir o poder a todo custo, chamando isso de golpe.

Publicidade

Já a presidente da república, impopular até entre os apoiadores do PT, mais uma vez não deve aparecer. Nesta quarta-feira, 30, em um evento sobre uma nova fase do 'Minha Casa Minha Vida', Dilma fez seu discurso mais enfático até agora contra o impeachment. De acordo com ela, sem nenhum crime, o argumento do seu impedimento seria um golpe. A mesma mensagem já havia sido dita à imprensa internacional.