O vereador Marco Antônio Ricciardelli, mais conhecido como Marquito (PTB), está no olho do furacão de uma #Investigação Criminal. Ele é investigado pelo Ministério Público Estadual, que ouve denúncias de que o animador do 'Programa do Ratinho', do SBT, teria obrigado os próprios funcionários de seu gabinete a devolverem uma parte de seu salário. Caso não aceitassem, esses profissionais eram punidos. Uma nova testemunha, segundo informações da Revista 'Isto É Dinheiro' publicadas nesta quarta-feira, 30, teria dito que Marquito estaria obrigando até a devolver uma parte da restituição do Imposto de Renda. 

O caso foi revelado após um furo de reportagem do Estadão e mesmo com a tamanha gravidade, Marquito não foi afastado de suas funções políticas, tampouco das artísticas.

Publicidade
Publicidade

De acordo com uma nota do SBT, ele segue fazendo parte do 'Programa do Ratinho'. Além de Marquito, outras pessoas do gabinete dele são investigadas pelo Ministério Público Estadual. Uma delas é Edson Roberto Pressi, assessor do vereador. Um vídeo obtido através de uma das testemunhas mostraria como o assessor explicava o esquema, conhecido internamente como dízimo. 

A nova testemunha, que deu detalhes da devolução da restituição do IR, já teria sido ouvida pelo promotor que investiga o caso no MPE, Cassio Conserino. O nome dela, no entanto, não foi revelado por motivos de segurança. A testemunha trabalhou dois anos no gabinete de Marquito como sua assessora. Entre suas funções, estava visitar locais de grande carência em São Paulo, além de atender eleitores de Marquito. A fonte do MPE pouco ficava no gabinete, realizando mais trabalhos externos. 

A testemunha ganhava cerca de R$ 14 mil brutos, mas ao receber o salário, esse valor diminuía para R$ 11 mil.

Publicidade

Desse dinheiro todo, ela precisava devolver R$ 9 mil, ficando apenas com R$ 2.300. Todos os dias 25, ela precisava sacar o dinheiro de sua conta e entregar para o assessor chefe de Marquito, que segundo ela, repassava os valores ao político. Marquito ainda não se pronunciou sobre as várias acusações que tem enfrentado.  #Crime #É Manchete!