Em uma reportagem no formato de editorial, a Rede Globo exibiu na noite desta sexta-feira, 12, o pedido de direito de resposta do ex-presidente Luiz Inácio #Lula da Silva no 'Jornal Nacional'. Os advogados do político reclamavam que o noticioso não teria procurado a assessoria de Lula para falar a respeito do caso do Triplex no Guarujá, São Paulo. O ministério público de São Paulo pediu a prisão preventiva de Lula na última semana. O caso será julgado em breve. Apresentado por Sandra Annenberg e Alexandre Garcia, o telejornal informou que foi surpreendido com o pedido de direito de resposta. Em seguida, começou passo a passo a provar que realmente procurou todas as fontes necessárias para buscar uma resposta do presidente Lula. 

Não é a primeira vez que Lula ou pessoas ligadas a ele reclamam da conduta da Globo.

Publicidade
Publicidade

Nos últimos dias, manifestantes do Partido dos Trabalhadores, o PT, e também do Movimento Sem Terra, o MST, chegaram a invadir a sede do canal em Goiânia, além de fazerem protestos a frente dos prédios do canal em diversos locais do país

No editorial, Alexandre Garcia lembrou que o texto escrito como direito de resposta teria mais de vinte parágrafos e 89 linhas, a maior parte delas dedicadas a ironizar o trabalho jornalístico feito pelo canal. O noticioso mostrou ainda que realmente enviou e-mails, obteve respostas e leu todas as notas que foram enviadas. Em alguns momentos parecendo irritados, os apresentadores do 'Jornal Nacional' foram incisivos durante a leitura da explicação sobre o assunto. Ao todo, o vídeo com a explicação durou mais de sete minutos no ar, uma raridade. 

Veja abaixo o vídeo completo com o editorial promovido pela Rede Globo:

O editorial ganhou contornos ainda mais históricos, especialmente porque neste domingo, 13, acontecem manifestações por todo o país contra Lula e pedindo o #Impeachment da presidente da república Dilma Rousseff.

Publicidade

Até o fechamento desta reportagens, nem o Instituto Lula, tampouco o próprio líder político, haviam se pronunciado sobre o pronunciamento do maior canal de TV do país.  #É Manchete!