No domingo, 03, a atriz Bianca Nery Fares foi presa depois de confessar ter esfaqueado o médico das celebridades Fabiano Serfaty, endocrinologista da apresentadora Patrícia Poeta. De acordo com informações do jornal O Globo em matéria publicada nesta sexta-feira, 08, depois de confessar o crime, a profissional da dramaturgia está proibida de pisar no Projac, centro de produção dramatúrgica da emissora no Rio de Janeiro. 

Em 2013, Bianca fez uma pequena participação na novela das sete 'Sangue Bom'. Ela chegou a dividir cena com a consagrada Fafy Siqueira, mas acabou se perdendo na carreira depois que começou a namorar Lucas Silveira da Coisa, que também está preso por ter agredido o médico na noite da Zona Sul Carioca.

Publicidade
Publicidade

Além da cena com Fafy, Bianca fazia figurações nos programas e novelas da casa. Ela é formada em artes cênicas. A empresa não quer vincular seu nome à uma agressora. 

Bianca foi presa depois de esfaquear o médico Fabiano Serfaty por pelo menos três vezes. Duas das facadas acabaram atingindo o pulmão do profissional de saúde, perfurando o órgão. A atriz e seu namorado foram identificados por câmeras de segurança da região, que flagraram o momento que a abordagem aconteceu. De acordo com o médico, ele viu uma mulher chorando na calçada e decidiu perguntar à ela se estava tudo bem.

A moça, no entanto, não reagiu bem à abordagem e partiu para cima do médico, que tentou fugir do local, mas não conseguiu. Por conta da confissão do #Crime, a delegada Monique Vidal, que cuida da região onde aconteceu o crime (Leblon) decidiu expedir um mandado de prisão temporária de 30 dias contra a dupla criminosa.

Publicidade

Em depoimento dado aos policiais, a atriz disse que o médico deu uma cantada nela e que isso a fez ter uma reação de destempero, temendo que algo pior fosse acontecer. Ela, no entanto, não soube explicar porque estava carregando uma faca na bolsa. Alberto Serfaty, pai do médico, negou que o depoimento da agressora tenha qualquer fundo de verdade e que seu filho só parou porque viu a moça chorando.  #Investigação Criminal