Mais um caso de explosão, que tem como causa provável, vazamento de gás, deixa mortos e feridos no Rio de Janeiro. Este é o terceiro caso em menos de um ano. De acordo com o portal de notícias G1, a explosão ocorreu na madrugada desta terça-feira (5), no Subúrbio do Rio de Janeiro.

Explosão no Conjunto Residencial Fazenda Botafogo

O conjunto residencial Fazenda Botafogo, foi sacudido fim da madrugada desta terça-feira, por voltas das 5h da manhã por uma forte explosão. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, pelos menos 14 pessoas foram atingidas pela explosão e infelizmente 5 destas vítimas perderam a vida.

De acordo com informações dos agentes que atuam no local, a explosão aconteceu no primeiro andar em um dos prédios do conjunto habitacional.

Publicidade
Publicidade

Os feridos foram encaminhados para hospitais da região, são eles, Carlos Chagas, em Marechal Hermes, Getúlio Vargas, na Penha e Albert Schweitzer, em Realengo.

Bombeiros do quartel de Irajá, trabalham no local com auxílio de equipes de emergência e ambulâncias dos quarteis de Campinho, Parada de Lucas, Guadalupe e Ricardo de Albuquerque. 

Defesa Civil

Peritos da Defesa Civil, informaram que apesar dos danos causados pela explosão, o prédio não apresenta risco de desabamento. Porém todo o piso do primeiro pavimento, acabou afundando, mas as vigas estruturais não foram atingidas. Contudo as famílias foram orientadas a deixar os apartamentos até segunda ordem.

Famílias desabrigadas

São 40 famílias que estão temporariamente desabrigadas, até que a defesa civil tenha certeza que elas não correm nenhum risco, não poderão retornar aos seus apartamentos.

Publicidade

O prefeito da cidade do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, esteve no local e afirmou que todas as famílias serão acomodadas em hotéis da região, e que receberão uma ajuda de custo de R$1 mil por mês enquanto estiverem nesta condição. Eduardo Paes, também já colocou uma equipe a disposição para começar a reparar os danos nos imóveis atingidos imediatamente.

Vazamento de gás

Ao que parece, foi um vazamento de gás que causou a explosão. Moradores do conjunto residencial, afirmaram que o cheiro de gás no local é constante e que o vazamento vem sendo denunciado a mais de um ano junto a CEG - Gás Natural Fenosa Brasil. Entretanto de acordo com os moradores, algumas vistorias foram feitas e pelos agentes da CEG, e os mesmos, afirmaram que estava tudo dentro da normalidade. E nenhuma medida teria sido tomada.

Em nota a CEG, afirmou que qualquer informação neste momento é prematura e que lamenta profundamente o ocorrido. Agentes da empresa estão no local e que vai ser verificado se realmente houve a reclamação de vazamento de gás, conforme afirmam os moradores. #Crime #Rio2016 #Investigação Criminal