O presidente do partido dos trabalhadores, Rui Falcão, conversou com jornalistas nessa quinta-feira, 14, ocasião em que mostrou tranquilidade ao falar sobre a votação do impeachment de Dilma Rousseff.

Segundo o petista, o partido e o governo já fizeram e continuam fazendo tudo o que é possível para barrar o #Impeachment de Dilma. O mesmo se mostrou seguro dos votos contra o afastamento da presidente da república.

Rui foi questionado sobre uma lista apresentada por Lula com a quantidade de votos ‘garantidos’ para salvar Dilma. Rui alegou que nenhum documento pode ser desconsiderado e que pode haver mudanças de votos dos parlamentares, logo, não há o que se falar em ‘defasagem’ dos nomes listados pelo ex-presidente da república e quase ex-ministro da Casa Civil, Lula.

Publicidade
Publicidade

Falcão afirmou que o processo do impeachment é um golpe arquitetado por Eduardo Cunha e Michel Temer e que não existe fundamento legal para a aprovação do mesmo. Segundo ele, Dilma é uma mulher honesta que não possui em seu mandato denúncia de corrupção, recebimento de propina ou crime de responsabilidade, logo, o petista acredita piamente que essa hipótese de Dilma deixar a presidência não se concretizará.

O petista foi mais além e criticou a condução do impeachment por Eduardo Cunha, que segundo ele não tem condições para tal, pois é réu em vários processos e secundariamente, há Michel Temer, um homem que ‘conspirou contra a companheira, sentando-se na cadeira antes da hora’.

Por três vezes a ‘Agência Brasil’ questionou o petista sobre o que pretendem fazer caso o pedido de impeachment seja aprovado na câmara e Rui afirmou que ‘não trabalha com essa hipótese’, mas possui planos para o governo após essa fase passar.

Publicidade

O presidente do #PT também afirma que o objetivo é que com a rejeição do impeachment domingo, Lula possa agir mais de perto no governo, principalmente depois que puder atuar oficialmente como ministro da Casa Civil. Mesmo com a nomeação suspensa, Lula tem atuado diretamente na defesa do governo de Dilma.

O que você acha dessa repentina confiança de Rui? Comente e deixe a sua opinião. #Dilma Rousseff