Em uma fantástica ação promovida pelo portal Reclame Aqui, para marcar a passagem de seus 15 anos, três representantes das empresas que estão no ranking das reclamações por mau atendimento ao consumidor, foram convidados para um jantar ‘especial’.  Denominada “O jantar da vingança” a campanha expôs os diretores das empresas que mais desrespeitam os consumidores, ao mesmo tipo de atendimento que prestam.

Convidados para a inauguração de um restaurante, receberam um péssimo atendimento do início ao fim. Obviamente, as identidades foram preservadas, mas, é só dar uma olhadinha no ranking de pior atendimento para termos uma ideia de quem se trata.

Publicidade
Publicidade

Sem exceção, os “convidados” foram se irritando e perdendo a paciência a cada “falha” cometida durante o atendimento. Ao final, no lugar da conta, receberam um relatório com as reclamações dos consumidores que não foram atendidas pelas empresas que representam.  

O vídeo, que pode ser assistido logo abaixo, está fazendo muito sucesso, pois dá uma resposta clara às empresas em relação à falta de respeito e ao tratamento negligente, que os clientes já não aguentam mais.

O portal Reclame Aqui se tornou um grande aliado dos consumidores, uma vez que dá voz para que os mesmos expressem seu sentimento em relação ao tipo de atendimento prestado pelas empresas dos mais diversos setores. No site, é possível acessar o ranking das melhores e piores empresas, bem como as reclamações que já receberam e seu resolveram ou não o problema do consumidor.

Publicidade

Os consumidores também avaliam a empresa, deixando claro se voltariam ou não a fazer negócio. É, sem dúvida, um ótimo indicador de como as empresas tratam seus clientes, nas mais diversas circunstâncias.

 

Recorde negativo 

A confiança do consumidor brasileiro bateu o recorde negativo neste mês de abril, o mais baixo desde 2005, segundo a FGV (Fundação Getúlio Vargas), chegando a 64,4 pontos. Segundo os dados, a perda de confiança se deu em todos os níveis, sobretudo, entre os consumidores de alta renda (superior a R$ 9.600,00). O ISA  - Índice da Situação Atual - também atingiu o mínimo histórico de 64,7 pontos.

Esse cenário foi influenciado pela atual crise política e econômica que acomete a sociedade brasileira, conforme afirmação feita pela Coordenadora de Sondagem do Consumidor, Viviane Seda Bittencourt.

  #Negócios #Crise econômica #Marketing de conteúdo