Um grupo de militantes petistas tentaram quebrar as regras estipuladas pela secretária de segurança pública, Márcia de Alencar, de que não são permitidos acampamentos de manifestantes de qualquer grupo que for para a capital do Brasil acompanhar a votação do #Impeachment.

Os petistas se aglomeraram em um local e anunciaram o ‘Acampamento Nacional Pela Democracia’, que visa acompanhar de perto as votações que devem definir o afastamento de Dilma Rousseff, mesmo que a decisão final ainda venha a ocorrer no Congresso.

A TV Globo, que já anunciou em nota oficial que fará cobertura da votação, bem como outras emissoras abertas e pagas, tentou filmar o grupo, mas foi expulsa do local.

Publicidade
Publicidade

Os militantes pareciam muito irritados e avançaram em direção aos profissionais da equipe em coros de ‘Abaixo a TV Globo’ .

A Polícia militar do Distrito Federal realizou a escolta dos funcionários da emissora a fim de que os mesmos não fossem agredidos pelos militantes nervosos.

Um vídeo do momento da ação dos petistas foi divulgado na internet. Assista:

 

Domingo de votação

No último domingo, 10, uma cerca foi construída para separar os manifestantes pró e contra o impeachment. A Força Nacional atuará em parceria com a Polícia Militar para evitar confrontos entre os dois grupos, bem como para conter aqueles que decidam se exaltar.

A cerca possui um corredor de oitenta metros de largura e um quilômetro de comprimento, de onde apenas os veículos oficiais das autoridades de segurança poderão circular durante todo o período da votação.

Publicidade

Caso alguém tente pular a cerca, policiais armados estarão de guarda durante toda a extensão do corredor para evitar imprevistos. Espera-se pelo menos 300 mil pessoas no local.

Na semana passada foi divulgado que mais de sete mil membros do MST iriam para Brasília. Manifestantes dos dois grupos começaram a chegar na sexta-feira, 15, vindos de diversas partes do Brasil de carro, avião e caravanas.

A secretária de segurança pública avisou que é proibido que se leve bonecos e cartazes ofensivos por ambos movimentos (pró e contra impeachment). Se estes aparecem no evento, os mesmos serão confiscados pelos soldados da Força Nacional. O objetivo é que esse momento tão delicado e importante para a política nacional não seja marcado por tumultos e instigação a violência entre posições diferentes. #Manifestação #Corrupção