A senadora do Partido dos Trabalhadores (PT) Gleisi Hoffmann confirmou em um vídeo publicado nesta quinta-feira, 21, que a presidente da república #Dilma Rousseff utilizará o espaço da Organização das Nações Unidas (ONU) para dizer que seu processo de #Impeachment é um golpe. Gleisi, que recentemente foi humilhada e chamada de corrupta (e sem vergonha) ao chegar ao aeroporto de Curitiba, começa o vídeo dizendo que a mídia estava muito agitada mostrando uma preocupação muito grande com a viagem de Dilma para Nova York, nos Estados Unidos, onde acontece a conferência da ONU, cujo objetivo principal é homologar um acordo sobre mudanças climáticas realizado em Paris, na França.

Publicidade
Publicidade

A Senadora diz que a participação do Brasil nesse evento é muito importante e que nosso país tem tomado atitudes benéficas ao meio ambiente, especialmente no que se refere à preservação da Amazônia. 

Gleisi então lembra que o discurso político que Dilma fará na ONU virou uma preocupação da oposição. "Ela obviamente não pode chegar lá e só falar do acordo do clima", continua a representante do Partido dos Trabalhadores a mostrar seu ponto de vista. A Senadora diz que Rousseff tem a obrigação de dizer que o processo de impeachment contra ela não tem base constituição. Ela diz que existe um esforço muito grande para falar que a tramitação do processo de impedimento foi reconhecida pelo Supremo Tribunal Federal (STF), mas que a entidade apenas teria reconhecido o rito, não o seu mérito.

Publicidade

É preciso destacar que não é uma tarefa do STF analisar se as acusações contra Dilma são válidas ou não, pelo menos não neste momento, quando o processo passou pela Câmara e está no Senado. 

A Senadora diz que o rito reconhecido pelo STF estaria sendo feito por um crime forjado das contas do governo. Para a política, a mídia internacional já diz que no Brasil realmente existe um "golpe" e que não adianta jornalistas brasileiros tentarem negar isso, dizendo que essa estratégia de Rousseff afastaria investidores do nosso país. "Nós vamos resistir no Senado. Força presidenta Dilma, mostra que o Brasil sabe defender sua democracia", finaliza ela. 

Veja abaixo o vídeo completo:

#PT