Nessa terça-feira, 26, o juiz federal Sérgio Moro, compareceu ao lado de sua esposa, Rosângela, à um jantar de gala que ocorreu em Nova York, nos Estados Unidos, onde foi homenageado pela revista 'Time'.

O juiz da 13ª Vara Federal de Curitiba – Paraná, foi o único brasileiro incluído em uma lista com o nome das pessoas mais influentes do mundo'. Sérgio está na categoria de ‘líderes’, onde seu nome figura ao lado de presidentes de renome internacional, como François Hollande (França), Obama (Estados Unidos), Angela Merkel (Alemanha), Vladimir Putin (Rússia), entre outros.

Moro mostrou-se feliz com a homenagem e afirmou que ter o seu nome na seleção honra o trabalho institucional e reconhece os importantes passos do Brasil na prevenção e combate à corrupção.

Publicidade
Publicidade

A revista 'Time' descreveu o quanto Sérgio Moro é valorizado no Brasil, como direito a ser chamado de ‘Super Moro’ e ser aclamado por multidões como fazem com um craque de futebol. A publicação frisa que o caso em que Moro trabalha é tão grande que poderia derrubar a presidente da república, além de mudar a ‘cultura’ de corrupção que tem atrasado o progresso do país.

Sérgio foi visado e fotografado no evento, mostrando-se sempre muito simpático com todos que falavam com ele. Essa lista, apesar de ser importante para o cenário internacional, pois acaba valorizando o trabalho dos selecionados, não possui um ranking, apenas inclui os cem mais influentes. Na lista também figuram o criador do Facebook, Mark Zuckerberg e o ator e ativista ambiental Leonardo DiCaprio.

Durante uma abordagem da TV Globo, que perguntou porque não se tem ouvido falar de novidades sobre a Operação nas últimas semanas, o juiz foi direto ao dizer que a #Lava Jato não é um seriado de TV que tem capítulo novo toda semana.

Publicidade

Nos últimos meses Moro e sua equipe foram elogiados por diferentes órgãos e meios de comunicação internacionais. Parte da mídia internacional vê Moro como o homem corajoso capaz de dar um pontapé inicial para que o brasileiro enxergue a corrupção e pare de votar errado.

Deixe a sua opinião sobre o reconhecimento internacional do juiz mais temido pelo PT. #Justiça #Polícia Federal