Sem que a imprensa pudesse fazer muito alarde, Luís Inácio '#Lula' da Silva conferiu novo depoimento a Operação Lava Jato da Polícia Federal às escuras, evitando que o assunto fosse descoberto com antecedência. 

A informação foi divulgada em primeira mão pelo 'GloboNews', afirmando que Lula depôs por cerca de duas horas a fim de prestar informações para as investigações sobre os desvios de dinheiro da Petrobras e de outras empresas estatais

Tanto o MPF - Ministério Público Federal, quanto a #Polícia Federal afirmam que há indícios de que empreiteiras beneficiaram o ex-presidente Lula, bem como os seus parentes. Ao ser interrogado, Lula negou todas as acusações.

Publicidade
Publicidade

O G1, site que também pertence ao grupo GloboNews, informou que Lula já havia tentado adiar o depoimento de hoje, mas não conseguiu e por isso teve de se dirigir ao PGR, em Brasília, para conferir as informações exigidas pela justiça.

Futuro incerto

Após o vazamento de áudios grampeados pela Polícia Federal, que mostram conversas comprometedoras de Lula com seu advogado, aliados políticos, amigos e até com Dilma Rousseff, a pressão popular para que o mesmo seja devidamente investigado e preso aumentaram.

Nas ruas, os gritos das manifestações não pedem apenas o impeachment, mas também a prisão do petista. Em uma das gravações, ele afirmava para Dilma que viajaria o país inteiro antecipando sua campanha eleitoral para 2018.

Mesmo com o clima tenso da política nacional, tudo indica que o petista não desistiu e já tem viajado por diversos estados em atos pró-Dilma, bem como provocando aqueles que querem o impeachment após alegar que a 'oposição' teme que ele se candidate em 2018.

Publicidade

Há um pedido de prisão para o político que ainda não foi decidido. Embora o STF vá julgar a maior parte dos processos de Lula, ele ainda está vinculado à #Lava Jato por conta das investigações, delações e inúmeras evidências coletas pela PF.

Atualmente Lula responde um processo criminal pelo Ministério Público de São Paulo pelos crimes de lavagem de dinheiro e falsidade ideológica.