No dia 02 desse mês, Michel Filho, herdeiro do presidente em exercício Michel Temer, completou sete anos de idade. Mais conhecido como Michelzinho, o filho de Marcela é um grande investidor de imóveis. De acordo com uma reportagem publicada nesta segunda-feira, 30, pelo jornal 'O Estado de São Paulo', o garoto tem R$ 2 milhões em imóveis. Nada mal para quem está apenas começando a vida. Apesar do rosto do garoto ser conhecido por muitos brasileiros, a Blasting News preferiu não exibir a identidade da criança, já que é menor de idade e envolvida em uma polêmica. 

O pai de Michelzinho, nosso atual presidente, passou os R$ 2 milhões em propriedades para o nome do filho.

Publicidade
Publicidade

Ele agora é dono de conjuntos de escritório em São Paulo. Um deles é onde é o escritório de advogacia de Temer, local onde ele também se encontrava com aliados políticos quando estava na maior cidade do país. Muitas das reuniões para escolher o Ministério após o afastamento da presidente afastada Dilma Rousseff foram feitos no local. Geralmente, o valor de venda chega a ser mais de 40% do que é declarado no IPTU. Cada conjunto comercial custa pouco mais de R$ 1 milhão.

Pela legislação brasileira, qualquer pessoa que tenha bens superiores a R$ 300 mil é obrigada a declarar imposto de renda. Por isso, os bens de Michelzinho, aos sete anos, são declarados à Receita Federal. O problema é que em 2014, quando ocorreram as eleições no país, Temer ainda estava sob posse dos imóveis. O peemedebista, no entanto, declarou que cada um deles custaria R$ 190 mil, quase seis vezes menos do que o filho dele declara dois anos depois. 

De acordo com o jornal 'O Estado de São Paulo', a legislação eleitoral só obriga que o valor de compra seja declarado, ou seja, o imóvel pode ter sido atualizado, mas não é necessário colocar a atualização do valor deste.

Publicidade

De acordo com o staff do presidente em exercício, a transferência de bens ocorreu por meio de doações. Temer teria dado imóveis e outros empreendimentos a outros filhos ainda em vida. Ele tem 75 anos.  #Governo #Michel Temer #PMDB