"Ela foi num baile, prenderam ela lá e fizeram essa covardia. Bagunçaram minha filha", foi assim que o pai de uma menor supostamente estuprada por mais de 30 homens resumiu o #Crime ocorrido com a própria filha. Chorando muito, ele pediu ao jornal 'O Globo' para que não tivesse  o nome identificado. "Quase mataram ela. Estava gemendo de dor. Ficou tão traumatizada que só conseguia chorar", disse ele sobre a volta da filha para casa. A entrevista foi dada à publicação nesta quinta-feira, 26, um dia depois de um vídeo com a menina desacordada ganhar as redes sociais. 

O vídeo perverso acabou viralizando na internet após o compartilhamento irresponsável de muitas pessoas.

Publicidade
Publicidade

Ele exibe a jovem aparentemente dormindo e nua. Dois homens também são vistos nas imagens. Um deles abre o órgão genital da garota e o exibe completamente machucado e sangrando. A menor de idade foi levada para uma área de ginecologia de um hospital anexo ao Sousa Aguiar, no Centro do Rio de Janeiro. Ela também passou pelo Instituto Médico Legal (IML) e prestou depoimentos à polícia. 

De acordo com informações transmitidas ao vivo pelo 'Jornal Hoje', da TV Globo, até o momento, pelo menos três homens foram identificados. Dois deles aparecem no vídeo e um terceiro em uma foto compartilhada no Facebook. A foto está pixelizada na parte de cima dessa reportagem. A Polícia Civil disse que já mandou prender preventivamente os três envolvidos. Todos eles seriam do Rio de Janeiro. No entanto, até o fechamento desta reportagem, por volta de 14h20, não havia confirmações da prisão. 

A polícia também deve entrevistar os envolvidos para saber se realmente existem outros criminosos por trás do crime.

Publicidade

Em uma rede social, um dos três homens confirma que a garota transou mais mais de "20" homens, diminuindo o número que ele dá no vídeo, de 30 estupradores. O crime, é claro, não é menor por conta disso. De acordo com ele, a menina teria aceito fazer sexo consensual. A avó da menor diz que ela é usuária de drogas e que tem um filho de três anos.