A atriz Tássia Camargo continua provocando muita polêmica com comentários políticos na internet. Recentemente, um vídeo publicado por ela no Facebook viralizou. Nele, a ex-contratada da Rede Globo de Televisão aparece pedindo alimentos para a presidente afastada Dilma Rousseff, insinuando assim que a representante do Partido dos Trabalhadores (#PT) poderia estar passando fome. A declaração veio logo depois que o governo do presidente em exercício Michel Temer, PMDB, ter bloqueado um cartão corporativo de Dilma, o qual era destinado para comprar alimentos no Palácio da Alvorada, residência oficial da presidente em Brasília. 

No novo vídeo, Tássia diz que as pessoas não entenderam o "subtexto" dela sobre o pedido de alimentos para Dilma.

Publicidade
Publicidade

"Vá ao teatro e aprenda a entender o que é subtexto. Se não sabe o que é subtexto procure se informar direito para não escrever bobagens, não levar processos por calúnias e para crescer, principalmente, como ser humano", disse a atriz, insinuando que poderia processar quem, de alguma maneira acabou a ofendendo por conta do vídeo. "Quando você lê um livro, você não tem que ler só aquilo ali. Tem um subtexto nele", argumentou atriz.

Uma fonte da Blasting News disse que Tássia teria tirado prints de pessoas que riram dela e que está pensando se vai ou não processar. "Ela não gosta de processar as pessoas, mas o caso passou do limite do tolerável", revelou o amigo da atriz que preferiu não se identificar. 

No novo vídeo, Tássia Camargo diz que Dilma não cometeu crime. Ela garante que se for comprovado o crime de Rousseff, ela será a primeira a ceder.

Publicidade

"Mas não pelo STF,  que é vendido", criticou ela citando à mais alta corte de justiça do país, o Supremo Tribunal Federal. A atriz nega que esteja no ostracismo. "Televisão não é tudo", garante ela, que diz trabalhar no teatro e que tem muita coisa gratuita boa. 

Ela ainda agradeceu os comentários positivos. No entanto, reclamou do que é negativo. "Não compartilho coisas ofensivas", garantiu ela. "Ela não tá passando fome", encerra a atriz. 

Veja abaixo o novo vídeo que está provocando polêmica:

#Dilma Rousseff