Um homem de 27 anos acabou indo preso neste domingo, 26, na cidade de Maracaju, no Mato Grosso do Sul. Ele foi o segundo morador que teve que prestar contas na Justiça por conta de uma brincadeira com a Tocha Olímpica, que passa pela cidade. No Facebook, ele publicou uma imagem com um balde de água e a mensagem "esperando a tocha passar". O símbolo das Olimpíadas do Rio de Janeiro sofreu diversas represálias na região. 

Em entrevista ao portal de notícias G1, o delegado Amylcar Romero, revelou que a prisão foi realizada na manhã do domingo. Segundo ele, o homem alega que apenas fez uma brincadeira no Facebook e que essa sequer foi postada no dia em que a tocha passaria pela cidade.

Publicidade
Publicidade

O delegado revelou que o suspeito foi solto depois de pagar fiança de R$ 1 mil. Segundo o chefe da segurança do município, não havia motivações políticas do internauta. A imagem foi compartilhada no Facebook no dia 22 de junho e ganhou grande repercussão nas redes sociais, tendo milhares de compartilhamentos. 

Questionado se só as postagens teriam levado o homem para a cadeia, o delegado explicou que o homem também tinha jogado água no local onde a tocha passar. No entanto, ele estava longe e não apagou o "sagrado" fogo olímpico. Por ter jogado a água, mesmo não pegando na Tocha, o homem foi autuado em flagrante. O preso foi liberado rapidamente, pois pagou a fiança para ficar em liberdade.  O caso foi registrado como dano qualificado na forma tentada. De acordo com o G1, o homem pode ter que responder agora na justiça ao #Crime, que tem previsão de prisão entre é seis meses a três anos.

Publicidade

Outro homem, segundo o site 'Campo Grande News', também acabou sendo preso por volta de uma hora da tarde. Nenhum dos dois suspeitos teve o nome identificado. Diferente deste que chegou a publicar uma imagem antes do "atentato" à tocha, o primeiro conseguiu atingir uma pessoa que carregava o acessório olímpico. Não há informações se ele será liberado por jogar um balde de água no símbolo das polêmicas Olimpíadas do Rio.  #Rio2016