Não só a cidade de Belo Horizonte está em festa, como todo o Brasil, pois o Conjunto Arquitetônico da Pampulha acaba se tornar "Patrimônio Mundial da Humanidade". A Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura decidiu em Istambul, na Turquia, a atribuição do título para a linda obra criada por Niemeyer na década de 40. Minas Gerais tem outros belíssimos cartões postais com este título, entre eles o Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, na cidade de Congonhas, e também os centros históricos das cidades mineiras de Diamantina e Ouro Preto.

Marcelo Calero, Ministro da Cultura, foi quem confirmou a boa notícia na manhã deste domingo (17) utilizando seu perfil no Twitter.

Publicidade
Publicidade

Eram 6h41 quando o ministro postou: "Viva! Pampulha Patrimônio Mundial!"

Leonardo Castriota, presidente do Icomos em nosso país, ficou muito satisfeito com o título e contou que a candidatura foi feita de uma forma muito bem estruturada e que o conjunto de obras na Pampulha é considerado um marco da arquitetura moderna da década de 40 para o mundo.

O "Cassino" foi transformado no Museu de #Arte da Pampulha e a "Casa do Baile" hoje é o Centro de Referência de Urbanismo, Arquitetura e do Design. O "Iate Tênis Clube" continua sendo bastante frequentado e a "Igreja de São Francisco" é um dos principais cartões postais da capital mineira, atraindo turistas de todo o país e de várias outras partes do mundo.

O projeto contou com a ajuda de nomes consagrados, entre eles o paisagista Burle Marx e também o artista plástico Cândido Portinari, que também deixaram um pouco de seu trabalho próximo à lagoa da Pampulha.

Publicidade

Como o conjunto precisava ser um grande marco para a modernidade, os traços precisavam ser ousados, saindo totalmente do que era padrão na época e as curvas foram apontadas como a melhor solução. Oscar Niemeyer soube muito bem como transformar simples curvas em obras que marcariam a história.

Só que agora a prefeitura de Belo Horizonte terá de despoluir a Lagoa da Pampulha, uma tarefa que já vem sendo feita há anos e que já consumiu milhões de reais; mesmo assim, o local continua com um cheiro ruim e a poluição é nítida em vários pontos.

As fotos mostram um belíssimo cartão postal, mas quem visita a Pampulha fica decepcionado, diante do descaso com um local tão importante, principalmente agora que é "Patrimônio Mundial da Humanidade". #Curiosidades #Viagem