Bianca Toledo é uma conhecida pastora brasileira. Ela publicou um vídeo nesta terça-feira, 05, em que aparece visivelmente emocionada. Nele, ela revela que o marido, o pastor Felipe Heiderich, seria pedófilo e homossexual. De acordo com Bianca, Deus teria dado sinais que descobriram que ela começasse a desconfiar do marido, até que ele confessou tudo. Toledo ainda contou que o seu casamento foi anulado a partir do momento que descobriu uma rede de  mentiras. Felipe é acusado de abusar sexualmente do enteado, um menino de cinco anos, filho da pastora. O advogado de Heiderich usou uma rede social para dizer que as pessoas saberiam a verdade e que seu cliente é inocente.

Publicidade
Publicidade

Bianca é muito conhecida no meio evangélico por conta de suas apresentações como cantora. Ela também realiza um trabalho missionário importante, tendo mais de 3 milhões de seguidores nas redes sociais. A publicação em que ela dá detalhes sórdidos de como o marido foi descoberto tem mais de 6 milhões de exibições. Segundo a religiosa, Deus começou a enviar sinais para ela até que Felipe não conseguiu mais suportar tamanho segredo e contou que tinha um forte quadro homossexual.

Ele teria sido internado em uma clínica psiquiátrica antes de ser levado para o presídio de Bangu, 10, onde continuava preso até o fechamento desta reportagem. A unidade penitenciária fica no Rio de Janeiro. Bianca diz que o agora ex-marido teria uma dupla personalidade e indica que aí teria ocorrido a pedofilia.

Publicidade

Nas imagens, ela confirma que ele está recluso. 

A desembargadora Maria Sandra Kayatd, da 1ª Câmara Criminal do Rio, negou, nesta quarta-feira, 06,pedido de habeas corpus que solicitava a liberdade do preso religioso. Ele está em uma cela separada para evitar que possa sofrer qualquer tipo de coação de outros detentos. Pessoas acusadas de estupro/pedofilia costumam sofrer maus tratos na cadeia, especialmente violações sexuais. Reiteramos que Felipe nega seja mesmo pedófilo ou homossexual. 

Nas redes sociais, as pessoas estão horrorizadas com a revelação.  #Crime