A atriz comediante Claudia Rodrigues sofreu um grave atentado de bandidos na última sexta-feira, 15. A história somente ganhou repercussão uma semana depois. O atentado feito com criminosos não só atingiu a comediante conhecida por papéis como 'A Diarista', mas também sua filha, Isa Hieatt, e a empresária da humorista, Adriane Bonato. A ação, de acordo com informações do UOL em uma matéria publicada nesta sexta-feira, 22, aconteceu na cidade de Curitiba, no Paraná, terra onde o juiz federal Sérgio Moro costuma destrinchar a operação Lava-Jato.

O #Crime ocorre em um momento delicado na vida de Claudia Rodrigues. Isso porque ela passou recentemente por um transplante de células-tronco.

Publicidade
Publicidade

O objetivo é tratar uma esclerose múltipla bastante evoluído. Apesar de não ter mais nenhum contrato com qualquer emissora, a comediante teria um plano de saúde pago pela Rede Globo de Televisão. As informações são de que Claudia está muito abalada. Ela narrou tudo o que teria sido feito através de um vídeo publicado através do Youtube. De acordo com ela, o crime se tratou de um assalto. Os bandidos realizaram toda a ação em um bairro nobre da cidade. 

Rodrigues disse que dois homens agiram armados com muita violência contra ela, sua filha e a empresária. "Tiraram a gente do carro, quebraram o meu pé, meu tornozelo, minha fíbula. Por conta disso, vou ficar dois meses sem colocar o pé no chão", disse ela confirmando a gravidade do seu ferimento. Em entrevista ao UOL, a empresária da atriz, Adriane, voltou a falar do crime.

Publicidade

De acordo com ela, a famosa está muito tensa e assustada. De acordo com ela, os assaltantes só não mataram as três porque reconheceram Rodrigues e são muito fãs dela. 

Atualmente, mesmo depois de uma semana do momento em que tudo ocorreu, a comediante passa a conviver com pé imobilizado, tentando curar assim o problema do tornozelo. Por conta do tratamento contra a esclerose, projetos de trabalho para Claudia só devem ser realizados no ano que vem, inclusive um programa voltado para a internet.  #Investigação Criminal