Um #Acidente de automóvel causou polêmica entre internautas brasileiros. Neste domingo, 10, o ex-Ministro de Ciência e Tecnologia, Marco Antônio Raupp, que atuou no governo da presidente afastada Dilma Rousseff, sofreu um grave acidente de carro. A informação foi confirmada nesta segunda-feira, 11, pelo portal de notícias G1. Apesar de mais de 24 horas do acontecimento, as informações ainda são um pouco desencontrados. Uma das que envolvem mistério, por exemplo, é justamente sobre o estado de saúde do ex-Ministro do governo da representante do Partido dos Trabalhadores (PT).

Marco Antônio Raupp foi levado para o Hospital Cônego Monte Raso, em Baependi, Minas Gerais.

Publicidade
Publicidade

Ele está internado no local. O ex-dono de uma das pastas mais importantes do governo da petista está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade. O hospital não quis dar detalhes. O estranho acidente com o ex-Ministro ocorreu na BR-353, na região de Caxambu. 

O G1 diz ter entrado em contato com a Polícia Rodoviária Federal da Região. Segundo a instituição, o carro de Raupp bateu em cheio em um outro automóvel. Esse teria placa de São Paulo. O condutor do outro veículo, segundo a Polícia, teria perdido o controle da direção. Os agentes explicaram que havia óleo na pista, o que pode explicar o fato do carro ter deslizado até atingir o ex-Ministro.

O carro onde estava o Ministro foi atingido na parte frontal. Não há informações de quantos passageiros se envolveram no acidente. No entanto, o G1 diz que uma outra passageira teve ferimentos leves.

Publicidade

O ex-líder governamental tem hoje 78 anos de idade. Por conta disso, ele está tendo cuidados mais especiais. Marco ficou na pasta da Ciência entre os anos de 2012 e 2014, tendo larga experiência na área de tecnologia e pesquisa. 

Marco era um dos homens que mais conhecia o governo. No entanto, até o momento, não existe nenhuma investigação concreta a respeito de seu nome. Ele deixou a pasta justamente quando Dilma decidiu tentar a reeleição de seu mandato. Hoje Rousseff responde a um processo de impeachment.