O site 180 graus, especializado em notícias locais do Piauí publicou nesta segunda-feira, 18, uma reportagem que promete ter repercussão nacional. A notícia diz que o Ministério Público do Estado do Piauí teria denunciado o ex-prefeito do município de Campo Mario, Joãozinho Feliz, de ser a pessoa que mandou matar Alípio Ribeiro dos Santos. A vítima é irmã do apresentador do 'Cidade Alerta' local, transmitido pela 'Antena 10', afiliada da TV Record. O nome do jornalista em questão é Arnaldo Ribeiro dos Santos. O 180 graus diz que a denúncia do MP fala que o comunicador só não morreu porque Joãozinho não teria pago o valor total do contrato criminosos, cerca de R$ 250 mil. 

O site garante que a denúncia foi assinada pelo Promotor de Justiça Luciano Lopes Nogueira Ramos.

Publicidade
Publicidade

O nome dele pode ser encontrado como promotor em sites do próprio Ministério Público. O 'Cidade Alerta' é um dos programas mais populares exibidos pela TV Record. A versão nacional é apresentada por Marcelo Rezende. Ele não teria qualquer relação na ação criminosa. Apesar da denúncia feita pelo Ministério Público, o ex-prefeito ainda não é considerado réu no caso. Para isso, ainda é necessário uma manifestação da Justiça. 

Crime envolvendo nomes importantes 

O #Crime contra o irmão do apresentador da Antena 10 foi em 2009. Na época da morte, ele era vice-prefeito da cidade de Jatobá. A região é reduto eleitoral do homem que foi acusado pelo Ministério Público como mandante do crime. Félix, de acordo com a denúncia, teria contratado um pistoleiro para por fim a dupla de irmãos. Rosa Silva Freitas teria colaborado para encontrar o matador. 

Direito de resposta aberto

O site não dá um espaço para o ex-prefeito.

Publicidade

Caso ele queira se pronunciar, a Blasting News deixa esse espaço aberto. O crime chamou a atenção de toda a região justamente por envolver políticos e jornalistas. Na época do crime, Arnaldo Ribeiro dos Santos era um importante radialista local. Após o crime, ele ganhou ainda mais repercussão no seu trabalho.