A Prefeitura do Rio de Janeiro anunciou e cancelou uma apresentação do cantor MC Biel na Olimpíada. O show do cantor seria realizado no dia 21 de agosto no chamado Boulevard Olímpico. A polêmica da contratação chegou a gerar críticas para a gestão de Eduardo Paes, do PMDB, e ocorreu após o Comitê Olímpico internacional anunciar nomes como Anitta para a abertura dos jogos, que acontece na sexta-feira, dia 05. Não é a primeira vez que MC Biel é cortado dos jogos. Ele já havia sido desconvidado, por exemplo, de carregar a tocha olímpica durante o revezamento que ocorre em todo o país. A falta de convite ocorreu depois de uma polêmica entrevista com a jornalista Giulia Pereira.

Publicidade
Publicidade

A estagiária  já demitida do Portal IG acusou o cantor de assediá-la sexualmente. Ela deu uma entrevista polêmica nesta quarta-feira, 20, ao apresentador Augusto Liberato, da TV Record. Não se sabe ao certo agora o que teria motivado o desconvite para o MC. Isso porque a Prefeitura da cidade maravilhosa divulgou um calendário com diversas apresentações artísticas, mas apenas a de Biel foi confirmada e negada no mesmo dia. O staff do cantor garante que ele não tem enfrentado problemas de falta de público por conta do escândalo do assédio sexual. No último fim de semana, por exemplo, ele chegou a causar em um aeroporto do Estados Unidos ao ser confundido com Justin Bieber. 

Em entrevista ao UOL, o secretário de turismo do Rio de Janeiro, Antônio Pedro de Melo, alegou que não conhece as polêmicas na qual o funkeiro teria se envolvido recentemente, mas que averiguaria e tomaria todas as medidas necessárias para que a imagem da cidade não fosse penalizada diante do mundo.

Publicidade

Horas depois a apresentação acabou sendo cancelada.

A assessoria de uma das empresas responsáveis por eventos culturais da cidade, a RioTur, confirmou que Biel não faria mais o show de encerramento da Olimpíada.  A entidade, no entanto, não explicou o que motivou o fato dele não cantar mais no  evento. O cantor preferiu não se manifestar sobre a polêmica.  #Rio2016 #Investigação Criminal