Um padre da #Igreja católica palestra na maçonaria e recebe medalha de reconhecimento. Esta foi a notícia veiculada no dia 29 em um site local da cidade de Lagarto-SE,  que fica a 75 quilômetros da capital sergipana. De acordo com o site, o padre Raimundo Diniz recebeu do grão-mestre Jorge Henrique Pereira Prata uma medalha de mérito maçônico. Ainda segundo informações da mídia, a entrega foi realizada em uma data especial para a loja maçônica da cidade de Lagarto, pois comemorava-se o aniversário de 36 anos da loja naquela cidade.

Conforme explanou o site Lagarto Notícias, o padre Raimundo Diniz recebeu a referida medalha de mérito maçônico em reconhecimento da maçonaria pelos serviços prestados à sociedade. De acordo com palavras do padre, “foi muito gratificante ter recebido tal reconhecimento da loja maçônica”.

Publicidade
Publicidade

O pároco falou ainda sobre uma palestra ministrada na loja maçônica da capital sergipana (Aracaju) e mencionou também que é convidado pela sociedade para ministrar outras palestras durante o ano.

Esse não foi o único encontro recente entre a Igreja Católica e a Maçonaria. No dia 30, o Jornal do Almoço, exibido por uma afiliada da Rede Globo do Rio Grande do Sul, exibiu matéria em que o Arcebispo Dom Dadeus Gring visitou a loja maçônica da cidade de Cruz Alta no Rio Grande do Sul. Com a visita firmou-se união inédita entre a Igreja Católica e Maçonaria.

O que é maçonaria

De acordo com descrição no site oficial da loja maçônica, "a maçonaria é uma instituição essencialmente filosófica, filantrópica, educativa e progressista", e tem como princípios "a liberdade dos indivíduos e dos grupos humanos, sejam eles instituições ou nações; a igualdade de direitos e obrigações dos seres e grupos sem distinguir a religião, raça ou nacionalidade; e a fraternidade de todos os homens, já que somos todos filhos do mesmo criador, portanto, humanos e seguidores da fraternidade entre todas as nações".

Publicidade

A igreja católica e maçonaria são instituições diferentes. Para muitos, o encontro histórico é uma tentativa de angariar novos fiéis diante do grande aumento de evangélicos no país. É notório que a igreja católica vem tentando reestruturar-se internamente e conquistar mais seguidores. Para os fiéis conservadores da Igreja Católica, sem duvida será uma união difícil de aceitar. Já  para os evangélicos essa é uma coisa assustadora, pois não reconhecem a maçonaria como seguidora do cristianismo.

Fonte: Lagarto Notícias, G1 Rio Grande do Norte, loja maçonica #Ana Maria Braga #Anjo Mau