Nesta quarta-feira (13), faleceu, em Rio Branco do Ivaí, Estado do Paraná, Jesuína dos Santos Cardoso, considerada a mulher mais velha do mundo. Dona Jesuína estava com o corpo fraco e a saúde debilitada. A idosa faleceu em sua residência, ao lado dos seus familiares, às 8 horas da manhã. O seu falecimento era algo esperado pela família e, por esse motivo, não causou tanta surpresa. Ela quase não saía mais do quarto.

Em maio deste ano, dona Jesuína teve que fazer uma viagem de 200 quilômetros para reaver o seu benefício do INSS. A aposentadoria dela tinha sido bloqueada pelo fato dos funcionários não acreditarem que existia alguém com 120 anos, ainda com vida.

Publicidade
Publicidade

Os moradores da cidade de Rio Branco do Ivaí ficaram muito tristes ao saber do falecimento da idosa. Ela era muito querida por todos. Foi nessa cidade que ela construiu sua família, vivendo até a quinta geração.

Vida de Jesuína

Jesuína dos Santos Cardoso tomava remédio apenas para a pressão e o coração. Ela comia de tudo e adorava tomar um chimarrão todas as manhãs. Ela teve 15 filhos e enterrou todos eles. Ela morava com um neto e a sua esposa, que sempre diziam que não tinham nenhum trabalho com ela. Até o ano passado, antes de seu corpo se enfraquecer mais, Jesuína andava e fazia todas as suas coisas. Um dos alimentos que mais gostava era pipoca, mesmo tendo apenas um dente para comê-las. Dalília Amaral, sua neta, disse que a avó gostava de conversar bastante e não perdia a oportunidade de convidá-la para "prosear".

Publicidade

Devido a sua fama de mulher mais velha do mundo, várias pessoas tiravam foto com Jesuína para guardarem de lembrança. Era uma verdadeira atração que a cidade tinha.

Viagem

Essa viagem de 200 quilômetros que Jesuína realizou para comprovar que estava viva foi criticada pelo presidente da Câmara da cidade, que achou um absurdo a idosa debilitada ter que fazer esse percurso. Tanto ele quanto os familiares dela, esperavam um outro posicionamento da instituição. Após a visita de Jesuína ao INSS, foi acatado o pedido de regularização do benefício e o serviço foi desbloqueado. #É Manchete! #Morte