O pastor Felipe Garcia Heiderich foi preso nesta terça-feira, 05, acusado de abusar do próprio enteado, um menino de cinco anos. No entanto, sua prisão só foi conhecida por todo o Brasil nesta quarta-feira, 06, quando o Senador Magno Malta, do PR do Espírito Santo, externou o caso ao Congresso brasileiro. Felipe é marido da pastora Bianca Toledo. De acordo com informações do jornal Extra, para evitar que o religioso fosse recebido com "surpresas" por outros presidiários. Detentos costumam não gostar de quem é acusado de estupro, pior ainda quando o ato é realizado contra crianças, o que configura o #Crime de pedofilia. Muitas vezes essas pessoas acabam sendo estupradas na cadeia. 

Felipe ganhou uma cela separada na Cadeia Pública José Frederico Marques, mais conhecida como Bangu 10.

Publicidade
Publicidade

O advogado do detento, Leandro Meuser, usou o perfil no Facebook do pastor para publicar uma nota negando que ele tenha abusado do menino de cinco anos. Ele diz que não tentará aparecer na mídia por conta do caso, mas que a verdade seria revelada e o seu cliente solto. Ele e a agora ex-mulher faziam parte da organização religiosa  AME (Aliança Mundial de Evangelização e Ensino). Na rede social, o advogado ainda pede que os amigos orem pelo pastor, para que ele supere o que chamou de injustiça.

Em um vídeo publicado no Facebook, a pastora Bianca Toledo contou que o marido tentou o suicídio e que chegou a ser internado em uma clínica psiquiátrica. Felipe teria ido ainda confirmado que tem "um quadro homossexualidade latente". Segundo ela, os psiquiatras identificaram seu companheiro com um quadro de neuroso grave e que ele foi preso por conta de um crime de pedofilia.

Publicidade

A religiosa diz que clama pela justiça dos céus e da terra. Ela ainda cita passagens bíblicas para falar sobre o caso. "Eu fui enganada", disse ela. 

Veja abaixo o vídeo com a pastora dando sua versão sobre os fatos:

O casal tem várias fotos com o menino nas redes sociais. Os seguidores da pastora decidiram apoiá-la. "Deixo aqui (para todos) as palavras que um dia eu disse em particular para a Pastora Bianca (quando ela estava namorando o Felipe e quando ela me disse que ele estava pressionando ela pra casar rápido): Homem que quer casar rápido, que tem pressa, a gente tem que desconfiar!", disse uma fiel. #Investigação Criminal