Nesta segunda-feira, 18, os moradores de Piracibaba, em São Paulo, passaram por apuros. Eles ficaram preocupados por conta de pacotes suspeitos que foram colocados em frente à agências bancárias da região. Uma das ruas, que dá acesso à uma agência do banco Santander chegou a ficar fechada por mais de cinco horas durante uma ação cinematográfica anti-terror. Suspeitava-se que os pacotes, na verdade, fossem grandes explosivos. Em tempos de Olimpíada e de ações terroristas em todo o mundo, todo cuidado é pouco. Por isso, os policiais realizaram o que tinham que fazer até a grande descoberta, que surpreendeu muitas pessoas. 

O pacote felizmente não era uma bomba, mas sim um despacho de macumba.

Publicidade
Publicidade

Os moradores de Piracicaba já podem respirar aliviados. Até o Grupo de Ações Táticas Especiais, o GATE, foi chamado. O objeto despertou a atenção de muitos curiosos. No entanto, segundo testemunhas, esse tipo de ação religiosa na frente de bancos é bastante comum e visa trazer riqueza para quem fez o trabalho próximo às instituições que guardam grande quantidade de dinheiro. 

De acordo com a Coluna 'Você Viu?', da 'Folha de São Paulo', em pelo menos outras duas agências também havia um pacote parecido. Ele era formado por uma folha com grãos dentro. A Polícia tranquilizou a todos e disse que bomba não era, mas não disse se os embrulhos trariam bons ou maus fluídos. Por conta da interdição, a agência do banco Santander abriu quase na hora de fechar para o público, às 15h. Geralmente, os bancos ficam abertos entre 10h e 16h, mas esse horário é alternado dependendo da região e também da instituição bancária. 

O caso ganhou grande repercussão e virou até piada nas redes sociais.

Publicidade

Muita gente disse que o Estado Islâmico, maior grupo terrorista da atualidade, estaria com muito medo devido à destreza dos agentes brasileiros. No entanto, como escrevemos, todo cuidado é pouco. Explosivos do tipo já foram encontrados nas mais variadas regiões do mundo. O trabalho do esquadrão anti-bombas é justamente esse, evitar o pior.  #Investigação Criminal