Ainda repercute o fato da apresentadora e jornalista Glória Maria ter fumado maconha durante um reportagem para o 'Globo Repórter'. O ato foi realizado quando a repórter viajava para a Jamaica e mostrava os costumes do país. "Impossível recusar", diz a profissional da mídia antes de dar um trago com religiosos. Pegou mal o fato dela ter usado a droga e nada ser cortado. Para muita gente, Glória Maria cometeu um crime, o de fazer apologia às drogas. Desde que a cena foi exibida, no dia 1 de julho, a emissora carioca tem recebido muitas reclamações e denúncias. Gente que quer que a Globo e Glória paguem caro pelo o que fizeram. Enquanto isso, a jornalista deu entrevistas dizendo que os telespectadores estão muito "caretas".

Publicidade
Publicidade

Ela é conhecida por se entregar durante as reportagens, experimentando coisas estranhas e participando de atos de religião que não é a dela. 

Aproximadamente 100 mil famílias já teriam protestado contra o 'Globo Repórter' que deu grande destaque à maconha. De acordo com o 'Blog da Jovem Pan' e também segundo a jornalista Keila Jimenez, do R7,  a Federação do Amor Existente enviou uma carta para o canal em que questiona o porquê da cena ter sido ofensiva. A entidade diz que as imagens foram muitos ofensivas e que não se pode tratar a droga como se fosse algo banal, ressaltando os riscos já comprovados pela ciência de que o uso prolongado pode causar.

A Globo durante a reportagem lembrou que o uso religioso na Jamaica da maconha é permitido e foi justamente isso o que a jornalista fez, experimento a erva durante um ato "sobrenatural" para os moradores da região.

Publicidade

"Estamos pedindo a todas as nossas 100 mil famílias que deixem de assistir ao Globo Repórter”, disse o vice-presidente da entidade, Miguel Tortorelli. Esse não é o único protesto sofrido pela emissora. Muita gente tem ameaçado trocar de canal, acreditando que essa seria a maior punição contra a rede de comunicação. 

Nesta terça-feria, 12, estão previstos protestos em todo o país contra uma cena de sexo gay da novela das onze 'Liberdade, Liberdade'.  #É Manchete!